Belgrano Cargas diminuirá o tempo de viagem a três dias.

O organismo ferroviário Trens Argentinos Infraestrutura, dependente do Ministério de Transporte do país, concluiu os primeiros 600 quilômetros de vias para o projeto Belgrano Cargas, que conectará as províncias do norte do país com os portos de Gran Rosario.

“Com estes 600 quilômetros continuamos liderando a recuperação histórica do nosso trem de cargas para que os produtos das províncias cheguem ao porto em menos tempo e com custos mais baixos. A renovação da ferrovia traz desenvolvimento e postos de trabalho nos setores que crescem de mão dada com o trem, e isso é justamente o objetivo de Plano Belgrano”, comentou Guillermo Dietrich, Ministro de Transporte argentino, durante uma visita às obras.

O projeto abrange a nivelação do terreno, instalação de trilhos mais resistentes ao peso, e a incorporação de 1.000 vagões e 40 locomotoras. Vale destacar que em 2015 demorava-se 15 dias para completar 1.800 quilômetros de viagem desde Salta a Santa Fé, hoje esse tempo é de uma semana e quando as obras forem finalizadas, em 2020, a viagem vai demorar somente 3 dias.

O custo da iniciativa é de cerca de US$3 bilhões, o que inclui também obras rodoviárias, pontes e acessos ferroviários. Belgrano Cargas faz parte de um plano ainda mais ambicioso que considera a intervenção e renovação de 9.850 quilômetros de vias com investimentos de US$8 bilhões.