Parque eólico de Statkfraft actualmente operativo en Bahía.

A empresa norueguesa Statkraft anunciou que está pronta para começar a construção de seu projeto de energia eólica Ventos de Santa Eugênia no nordeste brasileiro. As turbinas serão fornecidas pela fabricante alemã Nordex. Será o maior projeto eólico da empresa na América do Sul, e duplicará sua capacidade de geração de eletricidade por meio de vento no país.

O projeto é na Bahia, e terá uma capacidade de 519 MW, com um total de 91 turbinas separadas em dez conjuntos de torres. Dadas as condições de vento da área, o projeto gerará quase 2,3 TWh de energia renovável por ano, o que permitirá abastecer 1,17 milhão de lares.

“Os projetos estão sendo executados de acordo com os estritos sistemas de monitoramento e licenças ambientais e sociais do Brasil. Os projetos têm uma aquisição limitada de terras, nenhum reassentamento, um baixo impacto ambiental e nenhum impacto nas espécies que estão em ameaça de extinção. Além disso, a Statkraft levará adiante atividades de responsabilidade para as comunidades próximas, focadas na educação e melhorias na infraestrutura”, disse a empresa em comunicado.

O custo total do investimento é de cerca de R$ 2,5 bilhões, e a conclusão está programada para junho de 2023. A construção começará em janeiro de 2021 e espera-se que as primeiras turbinas eólicas comecem a operar em setembro de 2022. O modelo de turbina usado pelo projeto será o Nordex 163 / 5.7 MW, o maior já usado pela Statkraft até hoje.

“Como o Brasil é um dos países mais competitivos do mundo no que diz respeito {as energias renováveis, me alegra muito ver que a Statkraft pode produzir um projeto competitivo e rentável como este”, disse Fernando de Lapuerta, diretor geral da empresa no Brasil.

Em 2019, a Statkraft adquiriu um projeto eólico de 660 MW de um desenvolvedor local. Ajudado pela evolução tecnológica dos aerogeradores e a incorporação de novas áreas, a equipe da norueguesa redesenhou o projeto inicial, permitindo a ele se expandir a cerca de 1,1 GW. O anúncio de agora cobre os primeiros 519 MW deste desenvolvimento.

“A construção do Ventos de Santa Eugênia representa um passo significativo no caminho de alcançar o objetivo de desenvolver 6 GW de energia eólica em nível mundial para 2025, e cumprir com nossa ambição de nos tornarmos uma empresa líder em energia renovável no mundo”, afirmou Jürgen Tzschoppe, EVP International Power da Statkraft.

Statkraft Ventos de Santa eugenia

Statkraft Ventos de Santa eugenia

Newsletters

O Informativo Semanal de Construção conta com as últimas notícias da indústria mundial, proporcionando uma grande quantidade de informação aos profi ssionais da construção.

Inscreva-se grátis

Newsletters

O Informativo Semanal de Construção conta com as últimas notícias da indústria mundial, proporcionando uma grande quantidade de informação aos profi ssionais da construção.

Vá a Newsletters