shane-mclendon-534662-unsplash

A construção é responsável por 39% do total de emissões de carbono no mundo, de acordo com o relatório.

O Conselho Mundial da Construção Verde (World Green Building Council, WGBC) está promovendo esta semana seu evento anual de discussões sobre meio ambiente e construção, que leva o nome de Semana da Construção Verde 2019. Para marcar a data, o conselho lançou um novo relatório que traz um plano mestre para que a indústria de construção mundial alcance uma taxa de redução de 40% nas emissões de carbono incorporado em 2030, e finalmente consiga eliminar as emissões da construção em 2050.

A construção (considerando obras de infraestrutura e edificações) é responsável por 39% de todas as emissões de carbono do mundo. A metodologia do WGBC separa o carbono operacional, que representa 28% das emissões totais, do que se chama de carbono incorporado, que contribui com os outros 11% do total relativo à construção. O operacional é o carbono gerado durante o ciclo de vida de uma construção (energia para iluminar, aquecer ou resfriar um edifício, por exemplo). O carbono incorporado significa todo o carbono emitido antes e depois do ciclo de vida da construção (materiais, emissões de equipamentos, demolição etc).

O relatório do conselho defende mais ação para reduzir as emissões de carbono incorporado, já que a prática de certificar “edifícios verdes”, mesmo disseminada por vários países, é insuficiente para reduzir o impacto de toda a cadeia produtiva.

_m_v_-777372-unsplash

Carbono incorporado se refere à emissão realizada antes e depois do ciclo de vida de uma estrutura.

De acordo com a entidade, o estoque mundial de estruturas construídas deverá dobrar até 2060, o que causará um aumento nas emissões de carbono pela indústria.

O relatório adverte que a transição não acontecerá se não se criar uma maneira radicalmente nova no setor para trabalhar em conjunto.

A maximização do uso dos ativos existentes, a promoção de reformas em lugar de demolir, e a busca por novos modelos de negócio circular que reduzam a dependência de carbono são temas destacados pelo relatório.

Mas além disso, o WGBC estimula que os países e suas entidades de construção produzam seus próprios roadmaps para tratar do problema, com apoio das empresas e de gestores públicos.

Para conhecer a Semana da Construção Verde 2019, visite este link

Newsletters

O Informativo Semanal de Construção conta com as últimas notícias da indústria mundial, proporcionando uma grande quantidade de informação aos profi ssionais da construção.

Inscreva-se grátis

Newsletters

O Informativo Semanal de Construção conta com as últimas notícias da indústria mundial, proporcionando uma grande quantidade de informação aos profi ssionais da construção.

Vá a Newsletters