Para obras de dois novos deques e outras reformas importantes.

Manta

Manta

A construção de dois deques de 225 metros de comprimento por 30 de largura, além de um novo sistema de abastecimento de água potável para a frota pesqueira, novas vias de acesso e iluminação são obras que compõem o projeto de reforma do Porto de Manta, no Equador. O projeto poderá ser financiado com recursos do Banco Mundial, num orçamento que é de US$ 24,5 milhões.

O projeto de reforma é uma resposta ao terremoto de 16 de abril de 2016, que afetou parte da infraestrutura portuária. Mas além de recuperar, a ideia é ampliar a capacidade operacional deste porto, que é muito usado pela indústria pesqueira do Equador.

O projeto deve ir a licitação em breve, o que gerou comemorações nas autoridades. “Cumprimos com todos os requisitos burocráticos, e hoje nos alegra informar que os editais estão prontos para publicação internacional e posterior concorrência. Acreditamos que em agosto iniciemos a colocação dos primeiros pilares de fundação nesta nova obra”, disse Luis Alfredo Ortiz, gerente da autoridade portuária de Manta.

Os editais, as especificações técnicas e outros documentos estão disponíveis no site do Ministério dos Transportes e Obras Públicas do Equador.

Newsletters

O Informativo Semanal de Construção conta com as últimas notícias da indústria mundial, proporcionando uma grande quantidade de informação aos profi ssionais da construção.

Inscreva-se grátis

Newsletters

O Informativo Semanal de Construção conta com as últimas notícias da indústria mundial, proporcionando uma grande quantidade de informação aos profi ssionais da construção.

Vá a Newsletters