Projeto na província argentina de Chaco tem 88% de obras concluídas.

puerto las palmas

O importante projeto de ampliação e remodelação do Porto de Las Palmas, na província de Chaco, Argentina, tem já 88% de avanço segundo os responsáveis. A obra é executada pela Unión Transitoria de Empresas, integrada por Norgav e San Pedro Fundaciones, além de departamentos do governo da província, o Ministério de Infraestrutura e apoios técnicos.

A intenção é ampliar o molhe de atracadouro a 201 metros, com instalação de seis torres de iluminação com 35 metros de altura. Neste sentido, o ministro de Infraestrutura, Fabián Echezarreta, falou à imprensa local que a obra contribuirá para a produtividade local, já que tanto cargas a granel como contêineres passarão a ser transportadas a partir dali, simultaneamente. “O objetivo é que este porto fluvial opere 24 horas”, disse.

Com investimento de US$ 6,7 milhões, a primeira etapa da obra é financiada pelo Fundo Financeiro para o Desenvolvimento da Bacia do Prata (Fonplata) e aportes do governo nacional argentino e da província. A obra inclui a execução de quebra-mar e atracadouro, ambos com 140 metros de comprimento.

A obra é considerada estratégica para o futuro da província de Chaco, porque permitirá reduzir os custos de transporte, gerando mais lucros e possibilidade de reinvestimentos que podem trazer mais empregos. As previsões para o porto, quando entrar em operação total já reformado, é que de mais de 100 mil caminhões entrem na sua zona de cargas por ano, gerando pressão por mais infraestrutura de apoio.

Newsletters

O Informativo Semanal de Construção conta com as últimas notícias da indústria mundial, proporcionando uma grande quantidade de informação aos profi ssionais da construção.

Inscreva-se grátis

Newsletters

O Informativo Semanal de Construção conta com as últimas notícias da indústria mundial, proporcionando uma grande quantidade de informação aos profi ssionais da construção.

Vá a Newsletters