Construção de 2.803 novas escolas é a maneira como o país vai celebrar seu Bicentenário.

escuelas peru

Daqui até 2021, o Ministério da Educação do Peru pretende construir 2.803 escolas chamadas Bicentenário. É um projeto de escolas especiais que celebram o bicentenário da independência do país. O investimento para chegar a este objetivo é calculado em US$ 2,35 bilhões, e os benefícios serão sentidos por mais de meio milhão de estudantes peruanos. O plano foi anunciado pelo ministro da Educação do país, Daniel Alfaro.

“O objetivo do projeto é que haja uma padronização das instituições educativas, que serão adaptadas às realidades geográficas e climáticas particulares do Peru”, disse o ministro.

Foram selecionados cinco projetos arquitetônicos diferentes para construir as escolas, cada um deles adaptado a uma das condições geoclimáticas do país: costa, costa chuvosa, serra, cordilheira e selva amazônica. Os projetos são diferentes no que diz respeito a exposição ao sol, absorção do calor e proteção contra chuvas. “As escolas na selva serão abertas e ventiladas, enquanto as das áreas geladas terão sistemas inovadores de aquecimento”, exemplificou o ministro.

Os projetos deverão ser finalizados até outubro deste ano, para que as obras possam começar já no primeiro trimestre de 2020.

Newsletters

O Informativo Semanal de Construção conta com as últimas notícias da indústria mundial, proporcionando uma grande quantidade de informação aos profi ssionais da construção.

Inscreva-se grátis

Newsletters

O Informativo Semanal de Construção conta com as últimas notícias da indústria mundial, proporcionando uma grande quantidade de informação aos profi ssionais da construção.

Vá a Newsletters