ohl

Depois de ter vendido sua divisão de concessões para um fundo australiano há três anos, a OHL busca se reinserir neste mercado, através da participação em uma série de licitações de rodovias e centros de saúde.

Um dos países de especial interesse para a companhia espanhola é o Chile, através da empresa Senda Infraestructuras, que já se pré-qualificou para administrar três hospitais na região de Maule (a cerca de 280 km ao sul de Santiago). Estes projetos licitam a manutenção de infraestrutura e a aquisição, manutenção e reposição de equipamentos médicos e mobiliários não clínicos. Os três hospitais contarão com 368 leitos e darão serviço de saúde a 174 mil pessoas. O orçamento da licitação é de US$ 250 milhões.

A Senda também está na etapa final do Hospital de Buin (região metropolitana de Santiago), cujas ofertas técnicas foram abertas recentemente, com investimento previsto de US$ 180 milhões.

O programa de construção hospitalar do Chile é interessante. Outros projetos de saúde lançados pelo Ministério de Obras Públicas do país podem envolver investimentos de cerca de US$ 1,5 bilhão.

A OHL também está pré-qualificada para projetos rodoviários na Colômbia, onde o governo está mobilizando seu novo programa de concessão rodoviária (quinta geração). A empresa também busca oportunidades no México.

Newsletters

O Informativo Semanal de Construção conta com as últimas notícias da indústria mundial, proporcionando uma grande quantidade de informação aos profi ssionais da construção.

Inscreva-se grátis

Newsletters

O Informativo Semanal de Construção conta com as últimas notícias da indústria mundial, proporcionando uma grande quantidade de informação aos profi ssionais da construção.

Vá a Newsletters