Obra prometida há anos finalmente deve ser concluída este ano.

arroyo vega

O projeto Arroyo Vega pretende reduzir a probabilidade de inundações em certos bairros de Buenos Aires. Para isso, os trabalhos vão no sentido de duplicar a capacidade de escoamento da água da chuva de alguns pontos do Rio da Prata. Com isso, espera-se que se reduza o risco de inundações em cinco bairros da capital argentina, beneficiando 315 mil pessoas.

As obras, que demandarão investimento de US$ 93 milhões, se dividem em duas etapas executadas simultaneamente. Na primeira etapa, que tem 5,9 km de comprimento, usou-se uma tuneladora de 5,3 metros de diâmetro. No segundo, uma outra tuneladora de três metros de diâmetro operada pelo método de Pipe Jacking, instalando as aduelas à medida em que se vai escavando.

Desta forma, o emissário de Arroyo Veja terá uma extensão total 8,4 km, que vai aumentar a capacidade de condução da rede secundária, através da construção de 12 novos ramais.

O Arroyo Vega atravessa a grande Buenos Aires de leste a oeste, até desembocar na ala norte da cidade. Quando chove forte demais, a bacia e o primeiro emissário, que datam da década de 40, inundam bairros como Núñez, Belgrano, Villa Urquiza e Villa Devoto, entre outros.

Assim, diante da antiguidade da infraestrutura, há 12 anos se decidiu construir um segundo emissário. A escavação começou em 2017 e espera-se que a obra esteja concluída em agosto deste ano.

Newsletters

O Informativo Semanal de Construção conta com as últimas notícias da indústria mundial, proporcionando uma grande quantidade de informação aos profi ssionais da construção.

Inscreva-se grátis

Newsletters

O Informativo Semanal de Construção conta com as últimas notícias da indústria mundial, proporcionando uma grande quantidade de informação aos profi ssionais da construção.

Vá a Newsletters