Mesmo com a crise cambial assolando o país, cimento continua vendendo bem no país.

Enquanto os problemas cambiais atormentam a economia argentina e ameaçam atirar o país no caos, a indústria cimenteira continua em crescimento. O número registrado em agosto deste ano, em comparação com o mês anterior, cresceu 17%.

A comparação interanual (agosto/18 contra agosto/17) mostra um crescimento praticamente nulo, de 0,1%. O volume de vendas do insumo no país em agosto foi de 1,1 milhão de toneladas.

De acordo com o ministro dos Transportes do país, Guillermo Dietrich, os resultados do setor cimenteiro mostram que “a construção pública e privada continuam avançando. A venda de cimento mantém seu nível de um ano atrás, o que é um recorde histórico. Temos diante de nós o maior plano de infraestrutura da história argentina, e isso não para”.

Newsletters

O Informativo Semanal de Construção conta com as últimas notícias da indústria mundial, proporcionando uma grande quantidade de informação aos profi ssionais da construção.

Inscreva-se grátis

Newsletters

O Informativo Semanal de Construção conta com as últimas notícias da indústria mundial, proporcionando uma grande quantidade de informação aos profi ssionais da construção.

Vá a Newsletters