São eles a escavadeira 130G e os tratores de esteira 700J-II, 750J-II e 850J-II.

john deere

O mercado de máquinas no Brasil pode retomar algum crescimento este ano, de entre 10% e 15% segundo a Abimaq. “Mesmo com as incertezas das eleições, o segmento de máquinas pesadas pode chegar a crescer até mesmo 20%”, segundo o diretor de vendas da divisão de construção e florestal da John Deere no Brasil, Roberto Marques.

Entre julho e agosto, a empresa promove um ciclo de eventos itinerantes chamado John Deere Expo, com apoio de sua rede de distribuição. Nesta série de eventos, a John Deere exibiu seus últimos lançamentos, entre os quais estão as escavadeiras 210G LC ME e 350 LC ME. “Esta nova linha denominada Heavy Duty está orientada a operações que sejam mais pesadas”, afirma Marques.

A companhia também anunciou a nacionalização da produção da escavadeira 130G, que com sua estrutura mais compacta proporciona mais agilidade nas operações e no transporte. Neste sentido, a empresa passará a fabricar no Brasil também os já anunciados tratores de esteira 700J-II, 750J-II e 850J-II, motivo pelo qual US$ 20 milhões estão em investimento na fábrica de Indaiatuba.

“Hoje, o Brasil é o único lugar do mundo, com exceção dos Estados Unidos, que está apto a produzir estes modelos. Com produção local, eles passam a se enquadrar em diferentes programas governamentais de financiamento de máquinas, além de serem exportadas a 65 países”, completa Marques.

Newsletters

O Informativo Semanal de Construção conta com as últimas notícias da indústria mundial, proporcionando uma grande quantidade de informação aos profi ssionais da construção.

Inscreva-se grátis

Newsletters

O Informativo Semanal de Construção conta com as últimas notícias da indústria mundial, proporcionando uma grande quantidade de informação aos profi ssionais da construção.

Vá a Newsletters