Dado foi confirmado pelo ministro de Obras Públicas do país, em entrevista.

autopista subterránea Chile

Projeto Vespucio Oriente

“Este ano, teremos um crescimento de 20% no montante de investimento em relação a 2018 e 12% em relação a 2017”, disse o ministro de Obras Públicas do Chile, Juan Andrés Fontaine sobre os valores investidos naquele país este ano em infraestruturas públicas e privadas. “O Chile vive uma expansão e uma relicitação de projetos de infraestrutura que servirá para melhorar a capacidade produtiva do país, estimulando a expansão econômica após um começo de ano fraco”, disse o ministro.

Em entrevista à imprensa do país, o ministro fez referência às projeções de crescimento do Chile, e sua relação com a infraestrutura. “O que realmente importa é aumentar a capacidade produtiva, e por isso há que se aumentar o investimento privado em infraestrutura, e esse impulso começou há tempos”, disse ele. Fontaine prometeu que ao longo dos próximos anos os resultados concretos destes investimentos ficarão nítidos no crescimento do país.

“Na carteira de projetos de concessão a licitar nos próximos quatro anos, que supera os US$ 14 bilhões, temos US$ 2,6 bilhões em 18 hospitais”, disse ele. Um dos projetos mais destacados entre os listados por ele é a ampliação do aeroporto internacional de Santiago, além também da construção da autoestrada Vespúcio Oriente (que fechará o anel viário da capital).

 

 

Newsletters

O Informativo Semanal de Construção conta com as últimas notícias da indústria mundial, proporcionando uma grande quantidade de informação aos profi ssionais da construção.

Inscreva-se grátis

Newsletters

O Informativo Semanal de Construção conta com as últimas notícias da indústria mundial, proporcionando uma grande quantidade de informação aos profi ssionais da construção.

Vá a Newsletters