LEAP

Aplicação do concreto LEAP na USP.

Um trabalho de pesquisa conjunta entre empresas e universidade criou um traço de concreto que utiliza 52% menos água por metro cúbico. Em consequência, a quantidade de cimento necessária para a mistura também é menor.

A inovação partiu da cimenteira nacional InterCement, em conjunto com a Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (USP). O concreto formulado por este projeto consome 176 litros de água por metro cúbico, contra os usuais 250 ou até 300 litros de água por metro cúbico em concretos convencionais.

A primeira aplicação real do concreto formulado segundo este traço se deu na construção do Centro de Inovação em Construção Sustentável da USP. O concreto de pouca água foi usado para realizar as fundações do novo edifício.

“A aplicação demonstra a viabilidade de produzir o concreto LEAP em escala industrial, com centrais convencionais e mistura em caminhão betoneira”, disse o diretor de desenvolvimento técnico da InterCement, Carlos Massucato.

LEAP é a sigla em inglês de Low Emission Advanced Performance (performance avança e baixas emissões), nome que está sendo usado para o novo traço de concreto.

Por utilizar menos cimento, o concreto LEAP é considerado um importante fator de redução das emissões de CO2 na cadeia produtiva da construção.

Newsletters

O Informativo Semanal de Construção conta com as últimas notícias da indústria mundial, proporcionando uma grande quantidade de informação aos profi ssionais da construção.

Inscreva-se grátis

Newsletters

O Informativo Semanal de Construção conta com as últimas notícias da indústria mundial, proporcionando uma grande quantidade de informação aos profi ssionais da construção.

Vá a Newsletters