Porto de Cortés passa a ser o maior da zona CA-4, que inclui também Guatemala, El Salvador e Nicarágua. 

puerto cortes

No dia 21 de setembro, Honduras inaugurou o novo atracadouro número 6 do terminal de contêineres do porto de Cortés. Com a conclusão desta obra, este passa a ser o porto de maior capacidade, eficiência e tecnologia da região conhecida como CA-4, que inclui também a Guatemala, El Salvador e Nicarágua.

No ato de inauguração, o presidente da Operadora Portuária Centro-Americana, Mariano Turnes, disse que “as obras se iniciaram em setembro do ano passado e se entregaram nos prazos e condições estabelecidos. Até agora investimos cerca de US$ 140 milhões na infraestrutura de apoio, que se compõe de dois guindastes Super Post Panamax e uma draga de 14 metros, o que permitirá receber navios de grande envergadura”.

Com estas novas condições, o porto de Cortés aumentará sua capacidade operacional em cerca de 50%, sendo capaz de movimentar até 1,4 milhão de TEUs.

A segunda etapa de modernização do porto deverá ser iniciada em 2022, com o objetivo de aprofundar o calado a 15,5 metros, tanto no atracadouro como na baía, agregando ainda outros guindastes pórtico, com o que a capacidade operacional dele subiria para 1,9 milhão de TEUs.

Newsletters

O Informativo Semanal de Construção conta com as últimas notícias da indústria mundial, proporcionando uma grande quantidade de informação aos profi ssionais da construção.

Inscreva-se grátis

Newsletters

O Informativo Semanal de Construção conta com as últimas notícias da indústria mundial, proporcionando uma grande quantidade de informação aos profi ssionais da construção.

Vá a Newsletters