Começou no dia 8 de março a obra de dragagem do rio Uruguai, a cerca de 314 km de Montevidéu. O projeto está a cargo da construtora belga Jan de Nul. O contrato, segundo a empresa, abrange abertura a aprofundamento do calado do rio para garantir navegabilidade adequada entre os quilômetros 0 e 187, com 7,5 metros de profundidade projetada.

O projeto vai custar US$ 40 milhões, e inclui o canal de acesso ao porto de Concepción del Uruguay e os afluentes que chegam ao Porto de Paysandú, porém com outra profundidade e outro comprimento de rio a dragar.

Segundo a construtora belga, as obras devem se estender até o ano que vem, e depois serão feitas manutenções a cada três anos. A empresa usará no serviço a draga sobre navio Amerigo Vespucci, que foi batizado em 1985 e tem capacidade de retirada de material de 3.500 metros cúbicos por ciclo de trabalho.

 

 

Newsletters

O Informativo Semanal de Construção conta com as últimas notícias da indústria mundial, proporcionando uma grande quantidade de informação aos profi ssionais da construção.

Inscreva-se grátis

Newsletters

O Informativo Semanal de Construção conta com as últimas notícias da indústria mundial, proporcionando uma grande quantidade de informação aos profi ssionais da construção.

Vá a Newsletters