Fraport quer dobrar capacidade de passageiros, e investir R$ 1 bi em 30 anos.

fortaleza

Aeroporto de Fortaleza

A nova concessionária do aeroporto de Fortaleza divulgou que as primeiras obras de infraestrutura no local deverão começar em janeiro de 2018, dependendo da aprovação da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).

A empresa Fraport (Frankfurt Airport Services Worldwide) venceu o leilão de concessão deste aeroporto no início deste ano, e também conseguiu sair vencedora na concessão do aeroporto de Porto Alegre, Rio Grande do Sul. Os leilões destes aeroportos, e também de Florianópolis e Salvador, foram os primeiros do esperado programa de concessões e PPPs do governo federal.

A Fraport afirma que poderá aplicar na primeira etapa de obras um volume de R$ 600 milhões, prevendo a ampliação da pista de aterrissagem e do terminal de passageiros. Sete novas pontes de embarque estão em seus planos para o aeroporto Pinto Martins.

Para o período integral de concessão, que vai até o ano de 2047, a concessionária pretende aplicar um total de R$ 1 bilhão no aeroporto cearense. Com estes investimentos, a expectativa é ampliar a capacidade de transporte de passageiros de 6 milhões para 12 milhões por ano.

Reflexos destes investimentos anunciados já se notam nas decisões das aéreas GOL e Air France-KLM de fazer de Fortaleza seu hub para voos nacionais no nordeste e de concessão para voos internacionais que tenham a Europa como destino.

Trata-se do primeiro movimento concreto em termos de obras anunciado após o início do programa de privatizações do país, o que dá um certo alento na reativação e melhora do mercado de infraestrutura e seus muitos subsetores.

Newsletters

O Informativo Semanal de Construção conta com as últimas notícias da indústria mundial, proporcionando uma grande quantidade de informação aos profi ssionais da construção.

Inscreva-se grátis

Newsletters

O Informativo Semanal de Construção conta com as últimas notícias da indústria mundial, proporcionando uma grande quantidade de informação aos profi ssionais da construção.

Vá a Newsletters