Em resposta à retomada do mercado de commodities, locadora investirá US$ 50 milhões.

SK Rental

Nos últimos anos, o mercado de locação da América Latina vem sendo especialmente impactado com a crise econômica em algumas de suas principais economias, com grandes contrações desde 2014.

Uma das locadoras de maquinário de construção mais importantes da região é a chilena SK Rental, sexta empresa na região de acordo com o ranking Latam Rental da CLA, e 72ª no mundo segundo o ranking IRN100, da revista Internatitonal Rental News, do Grupo KHL.

Com operações também na Bolívia, Brasil, Colômbia e Peru, a locadora enfrentou as complexidades adotando uma política de redução de frota, que hoje está 20% menos, com cerca de 4 mil equipamentos.

Mas hoje a situação está mudando, e a empresa já vinha preparada para aproveitar o novo ciclo de valor das commodities. A chilena, então, deu início a um plano de desenvolvimento estratégico que prevê uma meta ambiciosa: duplicar o tamanho da empresa em cinco anos. Desta forma, abriu um ciclo de investimentos de US$ 50 milhões em novos equipamentos para recomposição e renovação de sua frota.

“Estamos focados em conhecer as necessidades dos nossos clientes e avançar nos investimentos para estarmos mais bem preparados para a onda de projetos que vemos que vai ganhar ritmo a partir do segundo semestre”, afirma Pablo Lam, gerente geral da companhia.

Newsletters

O Informativo Semanal de Construção conta com as últimas notícias da indústria mundial, proporcionando uma grande quantidade de informação aos profi ssionais da construção.

Inscreva-se grátis

Newsletters

O Informativo Semanal de Construção conta com as últimas notícias da indústria mundial, proporcionando uma grande quantidade de informação aos profi ssionais da construção.

Vá a Newsletters