Viaduto Mitre evitará interrupção cotidiana de 12 cruzamentos para passagem do trem.

ViaductoMitre1

A cidade de Buenos Aires voltou a contar com o sistema de metrô entre as estações de Retiro e Tigre no dia 10 de maio, após a inauguração do viaduto Mitre, que eleva 3,9 quilômetros da linha.

O viaduto retira do trecho entre Palermo e Núñez a interrupção de tráfego de automóveis e ônibus em doze pontos. Toda vez que o trem passava, este era o número de cruzamentos que tinham que parar para esperar o trem passar.

Outros dois viadutos deverão ser inaugurados este ano. Em 30 de junho na capital argentina, o viaduto de San Martín tem inauguração prevista. Já para outubro, o projeto Belgrano Sur deverá ter concluído a elevação de vias e a nova estação da linha, a estação Sáenz.

A inauguração do viaduto Mitre transcorreu depois de uma série de testes para garantir o perfeito funcionamento do sistema.

Ao ser anunciado, o projeto tinha orçamento aproximado de US$ 55 milhões, mas com a desvalorização da moeda do país o custo final acabou sendo de US$ 86 milhões.

Newsletters

O Informativo Semanal de Construção conta com as últimas notícias da indústria mundial, proporcionando uma grande quantidade de informação aos profi ssionais da construção.

Inscreva-se grátis

Newsletters

O Informativo Semanal de Construção conta com as últimas notícias da indústria mundial, proporcionando uma grande quantidade de informação aos profi ssionais da construção.

Vá a Newsletters