Wacker Neuson cresce 13% em 2017

By Fausto Oliveira24 April 2018

Wacker neuson group hqm munich

A fabricante alemã de equipamentos de construção compactos e leves Wacker Neuson divulgou que em 2017 obteve um importante crescimento em suas receitas. O resultado de vendas da marca foi 13% superior em relação ao obtido no ano anterior.

Financeiramente, o resultado foi de 1,53 bilhão de euros, contra os 1,36 bilhão de euros verificados em 2016.

“Conseguimos expandir nossa presença em nível internacional e melhoramos nossa cota de mercado”, disse Martin Lehner, diretor geral da Wacker Neuson.

Em sua Europa natal, a Wacker Neuson obteve um crescimento de 11% no ano, o que é significativo se se leva em consideração que no velho continente a empresa tem 74% de seus negócios. França, Polônia e Áustria foram seus principais mercados no ano passado.

Nas Américas, o crescimento da Wacker foi de 23%, erando 358 milhões de euros em vendas de 2017, contra 292 milhões em 2016. Com fabricação nos Estados Unidos, a Wacker se fez forte nos EUA no segmento de carregadeiras compactas.

Com expectativa de crescimento para 2018, que segundo a companhia poderá ficar entre 8% e 11% acima do resultado de 2017, a Wacker Neuson tem seu roteiro traçado no documento Strategy 2022, que revela a ambição da companhia em se tornar o maior e mais importante provedor de máquinas compactas no mundo, e alcançar um nível anual de receitas superior aos 2 bilhões de euros até o ano 2022.

REVISTA
BOLETIM
Entregue diretamente na sua caixa de entrada, o Informativo Semanal da Construção traz a seleção das últimas notícias, lançamentos de produtos, reportagens e muito mais informações sobre o setor de infraestrutura na América Latina e no mundo.
Reportagens
Um ponto fora da curva…
O Brasil, na contramão de muitos países que se viram seriamente afetados pela crise sanitária mundial, se estabelece dia após dia como potência econômica no que tange a indústria e tal propensão se fortalece com o número de obras que se difundem por todo território nacional.
Energia do futuro
Como grupos geradores e sistemas de armazenamento baseados em bateria podem substituir a energia a diesel.
Construção centro-americana
A pandemia e economias fortemente dependentes tornam a recuperação desta região mais complexa.
CONECTAR-SE COM A EQUIPE
Cristian Peters
Cristián Peters Editor Tel: +56 977987493 E-mail: cristián.peters@khl.com
Wil Holloway Gerente de vendasr Tel: +1 312 9292563 E-mail: wil.holloway@khl.com
CONECTAR-SE COM A MÍDIA SOCIAL