Terrafoundations: empresa bem fundada

By Cristián Peters26 November 2020

Terratest 4

A Terrafoundations é uma reconhecida empresa no mercado sul-americano de fundações, cuja história remonta há 24 anos quando a Pilotes S.A. iniciou atividades em 1996 dentro do Grupo Echeverría Izquierdo de Chile (atualmente EISA).

“A empresa Pilotes SA começou executando serviços de estaqueamento, fundamentalmente para pontes, no Chile. Em 1996, começou a se diversificar para ancoragem de protendido e micro estacas auto perfurantes, introduzindo ambas as tecnologias no mercado chileno”, comenta Aldo Guzmán, gerente regional da Pilotes Terratest S.A. Ao final deste mesmo ano, a Pilotes se associou ao grupo Terratest, da Espanha, para a execução das estacas para pontes de uma das primeiras concessões rodoviárias do Chile, a via Talca-Chillán. Em 1998, o Grupo Terratest entrou como acionista na Pilotes, o que veio a mudar sua razão social para Pilotes Terratest S.A.

“Ao longo de toda sua história, a empresa foi pioneira em várias tecnologias de fundações especiais, introduzindo-as no mercado chileno. Algumas relevantes foram: ancoramento de protendidos (1996), micro estacas auto perfurantes (1996), solo grampeado (1998), geomalhas (2000), estacas CFA (2009), colunas bottom feed (2011), jet grouting (2011) e estacas pré-fabricadas (2019)”, diz o executivo.

Internacionalização

Em 2006, a Pilotes Terratest abriu uma filial no Peru (PTP), que iniciou suas atividades executando ancoramentos de protendido para obras de contenção, sistema típico naquele país. Não obstante, com o correr dos anos, a filial peruana foi aumentando suas capacidades até incorporar novas tecnologias em obras de estacas de grande diâmetro, CFA, microestacas, solo grampeado, colunas bottom feed e outras.

Dentre os desenvolvimentos de negócio da companhia, destaca-se que em 2013 a EISA tomou o controle total da Pilotes Terratest, incluindo a filial peruana, que era propriedade desta última.

Terratest 3

Dois anos mais tarde, em 2015, a empresa abriu uma nova filial, agora na Bolívia, “onde se realizaram muitas obras relevantes e inovadoras para aquele mercado, como a sustentação com pilares ancorados para o novo edifício da Assembleia Nacional, obras de fundação para o Teleférico de La Paz e a parede diafragma para a escavação mais profunda em Santa Cruz, onde as difíceis condições de terreno tornam os projetos com mais de um subterrâneo mais complexos”, afirma Guzmán.

Conglomerado

Em 2017, criou-se a marca Terrafoundations, e em 2018 se constituiu a empresa Terrafoundations S.A. no Chile, que passou a ser a acionista das três filiais: Pilotes Terratest S.A. (Chile), Pilotes Terratest Perú S.A. e Pilotes Terratest Bolivia S.A.

Atualmente, o Grupo Terrafoundations tem atividades nos três países, onde oferece toda a gama de soluções geotécnicas mais especiais, priorizando a prevenção de riscos laborais, saúde ocupacional e a qualidade na execução. As filiais do Chile e do Peru estão certificadas segundo as normas ISO 9001:2015 (Gestão de Qualidade) e ISO 45001:2018 (Gestão de Segurança e Saúde Ocupacional).

Segundo Guzmán, “em 2019, as vendas da Terrafoundations estiveram compostas por uma participação de 55%, 35% e 10% das filiais do Chile, Peru e Bolívia, respectivamente”.

Soluções

Terratest 2

As principais soluções geotécnicas oferecidas pela Terrafoundations são as fundações profundas (pilares de diversos tipos, micro estacas e outros), contenção de escavações (muro de arrimo, cortina atirantada, solo armado, solo grampeado etc), estabilização da taludes (ancoragem, solo grampeado, micro estacas etc), melhoramento de solos (colunas de agregados, vibrocompactação, compactação dinâmica, jet grouting, geomalhas), tratamento de túneis (guarda-chuva de micro estacas, tirantes, jet grouting, drenos etc.), cortinas de impermeabilização (parede diafragma, injeção em solos e rochas, jet grouting etc), engenharia geotécnica, monitoramento e ensaios laboratoriais (de carga, inclinômetros, piezômetros, células de carga etc).

“A Terrafoundations oferece todas as soluções acima de forma transversal no mercado, cobrindo desde a edificação até a mineração, passando pelos mercados de infraestrutura, energia e industrial”, diz Guzmán. “Oferecemos uma combinação de capacidades geotécnicas, tanto em recursos de engenharia e soluções, como de maquinário e pessoal especializado, que junto com o alto padrão de prevenção de riscos, oferece um serviço de primeira linha a seus clientes em todo o mercado”, acrescenta.

Obras

Dentre as obras executadas pela empresa na região nos últimos anos, destacam-se:

- Reforço de taludes (solo grampeado) na Planta de Escórias da mina El Teniente, no Chile.

- Fundação com estacas para ampliação do Aeroporto Arturo Merino Benitez, em Santiago do Chile, projeto que instalou mais de 3 mil pilares de grande diâmetro.

- Pilares de sustentação e guarda chuva de túneis para o projeto AVO (Autopista Américo Vespucio Oriente), também em Santiago do Chile.

- Muros diafragma e pilares para a nova Linha 2 do Metrô de Lima, no Peru (“a PTP tem os maiores equipamentos do país para execução de muros diafragma de 1,00 m de espessura e pilares de diâmetro 1,80 m até mais de 50 m de profundidade”, comenta Guzmán)

- Portal do novo Túnel Chancay para o Terminal Puerto Chancay (pilares, ancoragem e shotcrete), no Peru, onde a PTP executou exitosamente estacas cravadas num portal em areia com quase 30 m de altura máxima.

- Pilares e estaqueamento para o novo Edifício da Assembleia Nacional em La Paz, Bolívia, que se destaca principalmente por ser a primeira obra deste tipo no país.

 

REVISTA
BOLETIM
Entregue diretamente na sua caixa de entrada, o Informativo Semanal da Construção traz a seleção das últimas notícias, lançamentos de produtos, reportagens e muito mais informações sobre o setor de infraestrutura na América Latina e no mundo.
Reportagens
Mills: O projeto ideal
Há quase 7 décadas, a pioneira na locação de equipamentos para a execução de trabalhos em altura, com a maior frota de PEMT da América Latina, se supera dia a dia, em busca de inovação e diferencial no que se refere à qualidade e entrega.
Indústria de locação sem papel
Como avançar em direção a uma indústria sem papel?
Entrevista com Inform: América Latina Artificial
A inteligência artificial está tomando cada vez mais o centro das atenções na região, e novos jogadores estão entrando na arena.
CONECTAR-SE COM A EQUIPE
Cristian Peters
Cristián Peters Editor Tel: +56 977987493 E-mail: cristián.peters@khl.com
Wil Holloway Gerente de vendasr Tel: +1 312 9292563 E-mail: wil.holloway@khl.com
CONECTAR-SE COM A MÍDIA SOCIAL