Superior lança borracha antichamas e sistema de monitoramento

By Cristián Peters Quiroga20 June 2022

Os transportadores de correia têm maior segurança com borracha retardante de chamas e sistema de monitoramento.

(Foto: Superior)

A possibilidade de incêndio durante o percurso é uma das principais preocupações relacionadas aos transportadores de correia empregados na mineração. Além de representar riscos à saúde dos trabalhadores, o fogo tem elevado potencial de provocar prejuízos materiais, operacionais e econômicos. O surgimento das chamas pode ocorrer, por exemplo, quando elementos combustíveis como o carvão entram em atrito com os rolos no retorno da correia.

Para acabar com esse problema, a Superior Industries desenvolveu no Brasil uma borracha capaz de impedir o alastramento do incêndio nessas situações. Utilizada no revestimento dos rolos de impacto e retorno, a novidade apresenta índices de abrasão e dureza compatíveis com os das correias para preservá-las. “Apesar de a borracha ser um elemento naturalmente combustível, conseguimos produzir uma solução que não permite a propagação das chamas”, destaca Rodrigo Trotta, gerente de contas da Superior.

O desempenho do produto foi aferido em testes práticos. Em ambiente controlado, um rolo recebeu revestimento de borracha comum e outra peça semelhante ganhou a proteção do modelo autoextinguível. Após ambos serem submetidos a chamas de 700°C durante dois minutos, o incêndio continuou crescendo na primeira amostra mesmo depois que a fonte de calor deixou de existir. Entretanto, o fogo rapidamente desapareceu no segundo rolo.

Além desse ensaio, a qualidade da borracha antichamas da Superior Industries foi certificada pela Mine Safety and Health Administration (MSHA) e tem classificação UL94 V-0. O produto possui resistência a abrasão de 70 mm3, dureza de 65 Shore A e temperatura de trabalho de 110°C. Apresenta, ainda, alongamento de 400% e tensão de ruptura de 2,54 kgf/mm2 — ambos valores muito próximos aos números verificados na borracha comum.

“O material também protege a correia de esmagamento na região de impacto e aumenta a vida útil dos rolos de retorno”, ressalta Trotta, lembrando que o transportador de correia é o método de deslocamento de materiais a granel mais eficiente e com o menor custo que existe. “Os caminhões, que seriam os concorrentes nas operações de movimentação de material, entram somente nas situações em que o equipamento é inviável, já que os investimentos no veículo são bastante elevados”, compara.

Sistema de monitoramento

A segurança na operação dos transportadores pode ser ainda mais aprimorada com o Sistema Vantage, solução que a Superior Industries também concebeu com tecnologia totalmente brasileira. Trata-se de um monitoramento constante do equipamento realizado por meio de sensores embarcados (posicionados no interior dos rolos). A inovação já foi aplicada com sucesso em diversas mineradoras e portos localizados no Brasil e nos Estados Unidos.

“Esse monitoramento gera informações importantes para a manutenção preditiva, além de ajudar muito as equipes de inspeção”, afirma Elton Junior Antonio, engenheiro de aplicação da Superior Industries. Por meio da tecnologia, é possível obter dados como a temperatura dos rolamentos (direito e esquerdo), além de sua vibração, rotação e eventuais travamentos. Com base nessas informações, o sistema também calcula a vida útil de cada rolo, o que permite planejar com até 90 dias de antecedência as substituições.

(Foto: Superior)

Situações mais críticas e que demandam reações rápidas da equipe responsável geram alarmes que aparecem tanto via web quanto no aplicativo instalado em smartphones. Os administradores têm, ainda, acesso a relatórios periódicos e podem verificar remotamente, via software, o número de cada rolo, em qual transportador a peça está operando, quando foi instalada, a última vez que enviou os dados e sua idade.

Por estarem embarcados nos rolos, os sensores ficam protegidos contra intempéries e impactos físicos provenientes da própria operação do equipamento. Outra vantagem do dispositivo é a sua autossuficiência, ou seja, gera a própria energia e dispensa a necessidade de baterias para funcionar.

Assim como eleva a segurança, o Sistema Vantage atua como aliado da produtividade. Afinal, em um cenário em que os transportadores estão cada vez mais enclausurados por questões ambientais e de segurança, ter a informação exata do rolo que apresentou defeito e qual problema aconteceu acaba eliminando a longa e trabalhosa etapa de inspeção.

O sistema da Superior Industries destaca-se dos sensores externos disponíveis no mercado por conta de sua precisão. Enquanto a tecnologia embarcada gera informações exatas a cada minuto, os dispositivos externos fazem a medição por meio de indução. “A temperatura interna demora um pouco para chegar ao lado de fora e fazer o alarme do sensor externo disparar. Esse tempo pode ser a diferença entre evitar ou não um incêndio”, adverte Antonio, comentando que o Vantage disponibiliza informações sobre desgaste, RPM e recomendações de trocas — algo que os sensores externos não fazem.

Redundância na segurança

Antonio salienta que o Sistema Vantage não é concorrente da borracha antichamas. “Uma tecnologia não substitui a outra, na verdade elas se complementam e trazem maior segurança e produtividade para os equipamentos”, afirma. O engenheiro classifica o monitoramento como uma ferramenta de análise preditiva e a borracha cumpriria o papel de “apólice de seguro”. “Se tudo der errado, o material ainda estará lá para evitar que o fogo se espalhe de maneira descontrolada”, complementa.

Para o especialista, o desafio agora é quebrar paradigmas para que a solução seja amplamente aproveitada pelo mercado. “Precisamos mudar a maneira como queremos enxergar o transporte na mineração no futuro. Será que ainda queremos casos recorrentes de incêndios em correias? Será que queremos identificar um rolo que falhou somente depois de um sinal de fumaça? Não há mais necessidade de ser assim, o monitoramento de transportadores por meio de rolos inteligentes já está pronto e pode ser usado”, conclui.

REVISTA
BOLETIM
Entregue diretamente na sua caixa de entrada, o Informativo Semanal da Construção traz a seleção das últimas notícias, lançamentos de produtos, reportagens e muito mais informações sobre o setor de infraestrutura na América Latina e no mundo.
Reportagens
Mills: O projeto ideal
Há quase 7 décadas, a pioneira na locação de equipamentos para a execução de trabalhos em altura, com a maior frota de PEMT da América Latina, se supera dia a dia, em busca de inovação e diferencial no que se refere à qualidade e entrega.
Indústria de locação sem papel
Como avançar em direção a uma indústria sem papel?
Entrevista com Inform: América Latina Artificial
A inteligência artificial está tomando cada vez mais o centro das atenções na região, e novos jogadores estão entrando na arena.
CONECTAR-SE COM A EQUIPE
Cristian Peters
Cristián Peters Editor Tel: +56 977987493 E-mail: cristián.peters@khl.com
Wil Holloway Gerente de vendasr Tel: +1 312 9292563 E-mail: wil.holloway@khl.com
CONECTAR-SE COM A MÍDIA SOCIAL