São Paulo rescinde contrato de metrô com Isolux

By Fausto Oliveira31 July 2015

Metro sao paulo línea 4

Metro sao paulo línea 4

O governo do estado de São Paulo rescindiu o contrato de construção da linha 4 do metrô paulistano com a construtora espanhola Isolux Corsán, devido a atrasos e incumprimentos contratuais.

Além disso, o governo vai solicitar à Justiça uma permissão especial para impedir que o grupo participe de novas licitações de obras do estado.

O contrato foi assinado em 2006 para a construção da nova linha de metrô de São Paulo, com nove estaciones novas e duas pré-existentes que seriam conectadas à nova linha 4. Em maio de 2010, se inauguraram as duas primeiras.

Mas o projeto se dividiu em duas licitações. A primeira foi totalmente entregue, enquanto a segunda, em 2012, pelo valor de R$ 1,8 bilhão, previa a construção de cinco estações e as linhas correspondentes até o fim de 2014. Destas, apenas uma foi entregue e quatro estão com obras paralisadas há meses.

A construtora afirma que o governo não realizou os pagamentos de sobrepreços e não apresentou projetos executivos que seriam necessários para a segunda etapa do projeto, e que por essa razão paralisou as obras. Por sua vez, o governo estadual menciona o acordo feito com a construtora no início do ano para acelerar as obras, o que não aconteceu, para justificar sua decisão pela rescisão contratual.

O pacote de obras faltantes será licitado em algumas semanas, de acordo com o governo. Nâo se divulgou em quanto será orçado o que resta das obras. Mas o governo promete cobrar a multa de R$ 23 milhões prevista em contrato da Isolux Corsán.

A empresa disse em comunicado que há poucos dias enviou uma carta à direção do metrô de são Paulo solicitando o pagamento dos sobrepreços e a entrega dos projetos executivos. E afirma que, na falta destes, tomou a decisão de paralisar as obras e enviar o processo a uma arbitragem.

REVISTA
BOLETIM
Entregue diretamente na sua caixa de entrada, o Informativo Semanal da Construção traz a seleção das últimas notícias, lançamentos de produtos, reportagens e muito mais informações sobre o setor de infraestrutura na América Latina e no mundo.
Reportagens
Um ponto fora da curva…
O Brasil, na contramão de muitos países que se viram seriamente afetados pela crise sanitária mundial, se estabelece dia após dia como potência econômica no que tange a indústria e tal propensão se fortalece com o número de obras que se difundem por todo território nacional.
Energia do futuro
Como grupos geradores e sistemas de armazenamento baseados em bateria podem substituir a energia a diesel.
Construção centro-americana
A pandemia e economias fortemente dependentes tornam a recuperação desta região mais complexa.
CONECTAR-SE COM A EQUIPE
Cristian Peters
Cristián Peters Editor Tel: +56 977987493 E-mail: cristián.peters@khl.com
Wil Holloway Gerente de vendasr Tel: +1 312 9292563 E-mail: wil.holloway@khl.com
CONECTAR-SE COM A MÍDIA SOCIAL