Porto de Las Palmas avança em ampliação

By Gabriel Lira13 February 2018

Projeto na província argentina de Chaco tem 88% de obras concluídas.

puerto las palmas

O importante projeto de ampliação e remodelação do Porto de Las Palmas, na província de Chaco, Argentina, tem já 88% de avanço segundo os responsáveis. A obra é executada pela Unión Transitoria de Empresas, integrada por Norgav e San Pedro Fundaciones, além de departamentos do governo da província, o Ministério de Infraestrutura e apoios técnicos.

A intenção é ampliar o molhe de atracadouro a 201 metros, com instalação de seis torres de iluminação com 35 metros de altura. Neste sentido, o ministro de Infraestrutura, Fabián Echezarreta, falou à imprensa local que a obra contribuirá para a produtividade local, já que tanto cargas a granel como contêineres passarão a ser transportadas a partir dali, simultaneamente. “O objetivo é que este porto fluvial opere 24 horas”, disse.

Com investimento de US$ 6,7 milhões, a primeira etapa da obra é financiada pelo Fundo Financeiro para o Desenvolvimento da Bacia do Prata (Fonplata) e aportes do governo nacional argentino e da província. A obra inclui a execução de quebra-mar e atracadouro, ambos com 140 metros de comprimento.

A obra é considerada estratégica para o futuro da província de Chaco, porque permitirá reduzir os custos de transporte, gerando mais lucros e possibilidade de reinvestimentos que podem trazer mais empregos. As previsões para o porto, quando entrar em operação total já reformado, é que de mais de 100 mil caminhões entrem na sua zona de cargas por ano, gerando pressão por mais infraestrutura de apoio.

REVISTA
BOLETIM
Entregue diretamente na sua caixa de entrada, o Informativo Semanal da Construção traz a seleção das últimas notícias, lançamentos de produtos, reportagens e muito mais informações sobre o setor de infraestrutura na América Latina e no mundo.
Reportagens
Um ponto fora da curva…
O Brasil, na contramão de muitos países que se viram seriamente afetados pela crise sanitária mundial, se estabelece dia após dia como potência econômica no que tange a indústria e tal propensão se fortalece com o número de obras que se difundem por todo território nacional.
Energia do futuro
Como grupos geradores e sistemas de armazenamento baseados em bateria podem substituir a energia a diesel.
Construção centro-americana
A pandemia e economias fortemente dependentes tornam a recuperação desta região mais complexa.
CONECTAR-SE COM A EQUIPE
Cristian Peters
Cristián Peters Editor Tel: +56 977987493 E-mail: cristián.peters@khl.com
Wil Holloway Gerente de vendasr Tel: +1 312 9292563 E-mail: wil.holloway@khl.com
CONECTAR-SE COM A MÍDIA SOCIAL