Os principais rankings de 2020

23 December 2020

Os rankings publicados pela Construção Latinoamericana este ano têm algo em comum, uma forte incerteza do que acontecerá nos rankings do próximo ano, com base na receita de 2020.

Sem dúvida, a pandemia de covid-19 e as restrições a que o mundo foi submetido durante o ano, impactaram nas receitas dos diferentes atores do mercado da construção. Mas, além das projeções, convidamos você a revisar o que aconteceu nos rankings deste ano, que em sua maioria revelam um 2019 positivo.

Ranking: top 200

O mundo em que vivemos atualmente, marcado pela pandemia de Covid-19 e o distanciamento social, além de um panorama negativo para a imensa maioria das economias, é muito diferente do que pensávamos estar consolidado em 2019.

Ranking: CLA 50 

CLA50

Desde o ano de 2012, quando registrou-se um pico nas receitas do CLA50, os valores vêm caindo constantemente por uma variedade de razões: refinamento do ranking com dados adicionais, crise econômica e, por óbvio, o escândalo de corrupção da Lava Jato que veio a derrubar o valor e as capacidades de muitas empresas importantes.

Ranking IRN100

Um dos fatos de maior destaque desta nova edição do ranking IRN100 é o progresso de algumas empresas dos Estados Unidos, tanto entre as tradicionais participantes como por novas presenças na lista.

Ranking Latam rental 45

latam rental

O Latam Rental deste ano nos dá um pequeno respiro antes de pensar em como será este ano de pandemia para o setor de locação da América Latina.

Yellow-Book

Yellow Table

As vendas de máquinas de construção experimentaram anos de bom crescimento na década que finda este ano, e embora com percalços, os 50 maiores fabricantes de equipamentos originais (OEM) do mundo chegaram à Yellow Table deste ano com um resultado recorde, referente ao ano de 2019. Mas, como acontecerá com todos os setores econômicos do planeta, a tabela do ano que vem certamente mostrará declínio nas vendas, devido à pandemia e seus impactos.

Fim de uma era

O AccessM20 deste ano registra as receitas dos maiores fabricantes de equipamentos de acesso do mundo, no exercício de 2019. É um conjunto de resultados muito saudável em geral, em um ano que embora tenha sido de crescimento no primeiro semestre, enfraqueceu ao final do ano.

Ranking ICm20: más saltos

No ranking ICm20 do ano passado, ficou mostrado um grande salto de 12,5%, mas a tabela deste ano veio ainda melhor, com crescimento de 18,6%.