Odebrecht pode ter novo contrato no Panamá

28 March 2016

Enquanto seus contratos no Brasil continuam sob investigação, e outros países latino-americanos ameaçam rever suas posições contratuais com a Odebrecht, a maior construtora da América Latina pode obter um novo grande contrato de obra pública no Panamá.

O projeto de melhoramento de calçadas de áreas centrais da Cidade do Panamá, levado adiante pela Prefeitura, custará quase US$ 100 milhões.

O processo de pré-qualificação para o projeto envolveu três proponentes: além da Odebrecht, a construtora Centralvías e o consórcio Espacio Público. Inicialmente, a comissão de avaliação de pré-qualificação determinou que a pontuação mais alta entre os concorrentes era da Centralvías.

Porém, uma resolução do prefeito do distrito de Panamá (centro da cidade), José Blandón Figueroa, determinou uma revisão dos dados entregues pela Centralvías. Então, a nova decisão da autoridade é que a Odebrecht ficou com a maior pontuação. Portanto, a empresa brasileira estaria quase conseguindo um novo contrato no Panamá.

O fato vem entre solicitações de investigação dos contratos da Odebrecht no Panamá. Parlamentares pediram ao governo uma auditoria dos vários contratos assinados entre a empresa e o país, entre eles os das linhas 1 e 2 do metrô da capital e uma importante rodovia litorânea na cidade.

CONECTAR-SE COM A EQUIPE
Cristian Peters
Cristián Peters Editor Tel: +56 977987493 E-mail: cristiá[email protected]
CONECTAR-SE COM A MÍDIA SOCIAL