Liebherr apresenta máquinas elétricas para mineração

08 April 2019

Escavadeira de 210 toneladas é 100% elétrica. Caminhão rígido tem sistema misto.

liebherr-r9200-e-grauwacke-300dpi

Já como parte de seus lançamentos para a Bauma, a Liebherr apresentou duas máquinas elétricas para o setor de mineração, a R 9200 e o T236.

A R 9200 é uma escavadeira 100% elétrica de 210 toneladas que tem potência nominal de 850 kW (1.139 HP). Segundo a empresa, o equipamento equilibra o rendimento com a consciência ambiental, e tem 25% menos de custos de manutenção em comparação com uma escavadeira a diesel do mesmo porte.

A marca oferece um opcional que é um enrolador de cabo para todas as escavadeiras elétricas. Este conceito agrega à máquina maior mobilidade e menores requisitos de mão de obra. O carretel do cabo é autônomo e tem capacidade de 245 a 300 metros, dependendo do tipo de escavadeira.

Por sua vez, o T236 é um caminhão rígido de mineração de 100 toneladas com motor elétrico diesel. O eixo traseiro é movimentado por motor elétrico, que extrai sua energia de um motor diesel.

liebherr-t236-erzberg-300dpi

Quando sobem uma inclinação, os veículos devem mudar de marcha, o que transmite forças consideráveis às rodas. A variação de grau e carga útil podem resultar em ineficiência para os caminhões com tração mecânica, o que limita a capacidade de maximizar e manter a velocidade e a força nas inclinadas. O T236 aproveita-se das inovações da propulsão elétrica da Liebherr com a introdução do sistema CA Litronic Plus Generation 2 integrado verticalmente. O T236 realiza seu trabalho com potência contínua, a fim de maximizar a velocidade em inclinações.

REVISTA
BOLETIM
Entregue diretamente na sua caixa de entrada, o Informativo Semanal da Construção traz a seleção das últimas notícias, lançamentos de produtos, reportagens e muito mais informações sobre o setor de infraestrutura na América Latina e no mundo.
Reportagens
Um ponto fora da curva…
O Brasil, na contramão de muitos países que se viram seriamente afetados pela crise sanitária mundial, se estabelece dia após dia como potência econômica no que tange a indústria e tal propensão se fortalece com o número de obras que se difundem por todo território nacional.
Energia do futuro
Como grupos geradores e sistemas de armazenamento baseados em bateria podem substituir a energia a diesel.
Construção centro-americana
A pandemia e economias fortemente dependentes tornam a recuperação desta região mais complexa.
CONECTAR-SE COM A EQUIPE
Cristian Peters
Cristián Peters Editor Tel: +56 977987493 E-mail: cristián.peters@khl.com
Wil Holloway Gerente de vendasr Tel: +1 312 9292563 E-mail: wil.holloway@khl.com
CONECTAR-SE COM A MÍDIA SOCIAL