Licitação de aeroporto sob suspeita no Paraguai

By Fausto Oliveira05 January 2017

Aeropuerto Asunción Paraguay

Aeropuerto Asunción Paraguay

Enquanto o governo do Paraguai quer concluir a licitação da obra de ampliação e modernização do aeroporto de Assunção em fevereiro, um grupo de deputados apresentou uma denúncia por suposta corrupção no processo, e pede investigações aos órgãos de controle.

No final de dezembro, foram abertos os envelopes contendo as propostas técnicas e econômicas para o projeto, e dois consórcios continuaram na briga, um deles formado por Vinci Airports e a paraguaia Tocsa, e outro formado pela espanhola Sacyr e a chilena Agunsa.

O consórcio que recebeu a melhor pontuação entre eles foi o da Sacyr e Agunsa. Mas os deputados afirmam que a Sacyr não poderia ter participado da oferta, porque na Espanha a empresa teve um contrato de gestão aeroportuária rescindido, com pagamento de multa de 7 milhões de euros.

No edital de licitação, de acordo com os deputados paraguaios, há uma condição de que quaisquer empresas que tenham tido problemas anteriores com relação a gestão aeroportuária não poderiam se apresentar. Além disso, acusa-se a Sacyr de apresentar uma apólice de seguros da Royal Seguros, empresa que pertence ao chefe de gabinete da Presidência do país, Juan Carlos López Moreira.

Agora caberá à Controladoria do Paraguai avaliar se, como dizem os deputados, houve tráfico de influência em favor do consórcio que obteve a melhor pontuação no certame, e além disso afirmar se a Sacyr se encontra de fato impedida de oferecer-se para este projeto.

A PPP para ampliação e modernização do aeroporto Silvio Pettirossi prevê um investimento imediato de US$ 110 milhões, e US$ 130 milhões no período de 30 anos de contrato.

REVISTA
BOLETIM
Entregue diretamente na sua caixa de entrada, o Informativo Semanal da Construção traz a seleção das últimas notícias, lançamentos de produtos, reportagens e muito mais informações sobre o setor de infraestrutura na América Latina e no mundo.
Reportagens
Dicas para maior eficiência de equipamentos
Quatro dicas testadas ao longo do tempo para aumentar o tempo de atividade
AMMANN: Soluções competitivas e integradas
Com uma linhagem familiar de sucesso, a Ammann se destaca no cenário internacional desde 1869. Hans-Christian Schneider, atual CEO da Ammann, é a sexta geração a administrar a empresa que mantém sua curva de crescimento e notoriedade.
CONECTAR-SE COM A EQUIPE
Cristian Peters
Cristián Peters Editor Tel: +56 977987493 E-mail: cristián.peters@khl.com
Matt Burk Gerente de vendasr Tel: +1 312 496 3314 E-mail: matt.burk@khl.com
CONECTAR-SE COM A MÍDIA SOCIAL