Isolux Corsán faz pedido de falência

06 July 2017

A sétima maior construtora espanhola, a Isolux Corsán, entrou com pedido de falência dada sua impossibilidade de continuar funcionando normalmente e pagando provedores, entidades financeiras e empregados. A decisão vale tanto para a matriz como para suas seis filiais, e foi tomada pelo conselho de administração, segundo comunicado.

O presidente da empresa, Nemesio Fernández-Cuesta, e os seis outros membros do conselho, apresentaram em bloco seu pedido de demissão com a finalidade de “facilitar a gestão da nova etapa”.

A companhia se declarará falida e com patrimônio negativo de cerca de 801,9 milhões de euros, e uma folha de empregados, após reduções recentes, de 3.884 trabalhadores.

Nos últimos dias, o grupo, que já estava sob reestruturação há um ano, recebeu “seis ofertas de aquisição de diversas unidades produtivas”, que agora serão examinadas pela Justiça como parte do mecanismo de concurso de credores, de acordo com a Isolux.

O grupo está presente em 35 países, entre eles México, Brasil e Peru.

 

REVISTA
BOLETIM
Entregue diretamente na sua caixa de entrada, o Informativo Semanal da Construção traz a seleção das últimas notícias, lançamentos de produtos, reportagens e muito mais informações sobre o setor de infraestrutura na América Latina e no mundo.
Reportagens
Dicas para maior eficiência de equipamentos
Quatro dicas testadas ao longo do tempo para aumentar o tempo de atividade
AMMANN: Soluções competitivas e integradas
Com uma linhagem familiar de sucesso, a Ammann se destaca no cenário internacional desde 1869. Hans-Christian Schneider, atual CEO da Ammann, é a sexta geração a administrar a empresa que mantém sua curva de crescimento e notoriedade.
CONECTAR-SE COM A EQUIPE
Cristian Peters
Cristián Peters Editor Tel: +56 977987493 E-mail: cristián.peters@khl.com
Matt Burk Gerente de vendasr Tel: +1 312 496 3314 E-mail: matt.burk@khl.com
CONECTAR-SE COM A MÍDIA SOCIAL