Guarulhos receberá monotrilho para interligar terminal à linha do metrô

By Luciana Guimaraes24 August 2021

Um dos principais HUBs da América Latina, o Aeroporto Internacional de São Paulo, em Guarulhos, é o maior aeroporto do Brasil e da América do Sul, sendo o segundo mais movimentado da América Latina em número de passageiros transportados (após o Aeroporto Internacional da Cidade do México). No transporte de mercadorias, é o segundo depois do Aeroporto Internacional El Dorado, em Bogotá, Colômbia.

A construção do monotrilho que vai interligar os terminais do Aeroporto Internacional de Guarulhos à Linha 13 – Jade, da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos de São Paulo (CPTM), foi anunciada para iniciar em 90 dias.

A instalação de um monotrilho no local é necessária pois atualmente não é possível chegar diretamente de trem aos terminais de passageiros, obrigando o viajante a sair da estação Aeroporto, que fica na Linha 13 – Jade, e ainda pegar o ônibus gratuito que realiza o restante do trajeto em mais alguns minutos até os terminais, que ficam do outro lado de uma rodovia.

O anúncio foi feito pelo secretário estadual dos Transportes Metropolitanos, Alexandre Baldy, que afirmou que a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) aprovou um aditivo esta semana que dá a responsabilidade à concessionária GRU Airport, que administra o terminal.

Enquanto isso, a concessionária informou que “o aditamento ao contrato de concessão que dispõe sobre a implantação do projeto de conexão rápida entre a estação da CPTM e os terminais de passageiros aguarda deliberação por parte da Secretaria Nacional de Aviação Civil”.

Investimento de R$ 175 milhões será feito pela concessionária GRU Airport e descontado da outorga concedida pelo governo do estado.

REVISTA
BOLETIM
Entregue diretamente na sua caixa de entrada, o Informativo Semanal da Construção traz a seleção das últimas notícias, lançamentos de produtos, reportagens e muito mais informações sobre o setor de infraestrutura na América Latina e no mundo.
Reportagens
Um ponto fora da curva…
O Brasil, na contramão de muitos países que se viram seriamente afetados pela crise sanitária mundial, se estabelece dia após dia como potência econômica no que tange a indústria e tal propensão se fortalece com o número de obras que se difundem por todo território nacional.
Energia do futuro
Como grupos geradores e sistemas de armazenamento baseados em bateria podem substituir a energia a diesel.
Construção centro-americana
A pandemia e economias fortemente dependentes tornam a recuperação desta região mais complexa.
CONECTAR-SE COM A EQUIPE
Cristian Peters
Cristián Peters Editor Tel: +56 977987493 E-mail: cristián.peters@khl.com
Wil Holloway Gerente de vendasr Tel: +1 312 9292563 E-mail: wil.holloway@khl.com
CONECTAR-SE COM A MÍDIA SOCIAL