Genie: Lançamentos e Oportunidades

By Cristián Peters Quiroga08 November 2022

Fabiano Fagá, gerente senior de ventas de Genie para Sudamérica Fabiano Fagá, gerente sênior de vendas da Genie para a América do Sul (Foto: KHL).

Quase dez anos após o último evento no Chile para seus distribuidores de língua espanhola da América do Sul, a Genie reuniu seus principais representantes da Argentina, Colômbia, Chile, Peru e Venezuela, em Santiago. A empresa procura as melhores formas de desenvolver e melhorar os mercados de forma produtiva e foi assim que o foco do encontro foi a operação, qualidade e fidelização.

“O principal motivo é estar com nossos clientes aliados e nos alinharmos em nossas estratégias. Reciclar conhecimento e garantir que nossos parceiros e clientes tenham nossas melhores informações para tornar seus negócios mais lucrativos e interessantes”, afirma Fabiano Fagá, gerente sênior de vendas da Genie para a América do Sul.

O mercado de equipamentos de acesso vem crescendo fortemente nos últimos anos e as projeções são positivas. Segundo o executivo, a indústria sul-americana, excluindo o Brasil, deve ter um crescimento de 14,2% para 2.000 unidades, e espera um novo aumento de 20% em 2023, para 2.400 unidades. Agora, se for considerado que o Brasil entre 2019 e agosto de 2022 representou 68% do mercado de lanças, tesouras e equipamentos de elevação pessoal, com um simples exercício, pode-se projetar que o mercado sul-americano chegaria a 6.250 unidades no exercício atual .

“Somos um mercado emergente e há muitas oportunidades para abrir novos mercados”, diz Fagá. De fato, um fato interessante que demonstra efetivamente o potencial do mercado latino-americano é que, nos Estados Unidos, por exemplo, há uma plataforma de acesso para cada 400 habitantes, enquanto no Brasil é uma para cada 6.000.

Óscar Ibarra, gerente de ventas de Genie para Sudamérica Óscar Ibarra, gerente de vendas da Genie para a América do Sul (Foto: KHL).

É precisamente neste contexto que é especialmente relevante poder realizar este tipo de evento com distribuidores. Para capacitar e expandir cada vez mais o mercado, Óscar Ibarra, gerente de vendas da Genie para a América do Sul, destaca que “precisamos da experiência local que nossos revendedores podem nos oferecer, bem como das habilidades locais para aumentar a divulgação dos produtos de acesso, e é assim que exigimos que eles nos representem.”

O executivo destaca que um dos principais objetivos da Genie é focar em soluções que permitam atender às necessidades de seus distribuidores e clientes por meio de equipamentos que ofereçam maior produtividade e valor. “Nossas inovações podem ajudar sua empresa a ser mais rápida e eficiente do que nunca”, diz ele.

Nesse sentido, destaca-se o exemplo apresentado por Ibarra, que comparou o retorno sobre investimento de capital (ROIC) em um índice de bolsa como o S&P 500 com o de uma plataforma de acesso. “O S&P 500 tem um ROIC anual entre 8% e 9%, enquanto o ROIC de uma plataforma de acesso varia entre 25% e 35%, oferecendo um tempo de retorno entre três e quatro anos”, indica.

Eletrificação

O mercado de equipamentos convencionais a diesel existe e continuará existindo. Mas a eletrificação é um caminho que a grande maioria das empresas fabricantes de equipamentos de construção está seguindo, e com força total. Gênio não é exceção. De fato, a empresa criou sua primeira caneta elétrica há 35 anos, mas é agora que esse tipo de tecnologia está sendo mais desenvolvida, dada a crescente demanda global por equipamentos mais limpos, silenciosos e de baixa manutenção. Nesse sentido Fabiano Fagá comenta que “no mês passado lançamos as baterias de íons de lítio para a série GS de nossas tesouras, e há dois anos lançamos as tesouras E-Drive, que são as mais modernas do mercado”.

Dealers Meeting Genie_Chile 2022 Dealers Meeting Genie no Chile. (Foto: Genie)

Os E-Drives possuem motores CA, que são vedados e protegidos e não necessitam de manutenção, não possuem peças de contato e tudo se traduz para o cliente final em menores custos e, portanto, maior retorno do investimento. “Na Genie não inovamos por inovar, tudo é focado em um melhor retorno para nossos clientes”, afirma.

Quais são as vantagens das baterias de íon de lítio? Uma de suas principais características é que permitem uma carga intermediária, como a do celular, oferecendo assim cargas de ‘oportunidade’ sem afetar ou danificar a bateria. Além disso, o tempo de carregamento é muito mais rápido e eles oferecem mais tempo de carregamento.

As vantagens são claras para o mercado. Aliás, Ricardo Avellaneda, executivo de vendas regional e desenvolvedor de negócios da Genie, comentou no evento que já existem vários pedidos por essas novas tesouras. “O equipamento oferece vida útil de 10 anos, tem garantia de cinco anos, não requer manutenção e oferece ótimo desempenho em baixas temperaturas”, explica.

Embora a empresa tenha começado a implementar baterias de lítio com suas tesouras, já existem planos para braços articulados movidos a bateria de lítio, embora não haja um cronograma definido para quando eles estarão prontos para chegar ao mercado.

E enquanto caminha para um equipamento 100% elétrico, a Genie não esquece a alternativa intermediária. Fagá destaca a versatilidade dos equipamentos híbridos, que podem operar tanto a diesel quanto a bateria. “Sempre dizemos que eles são a primeira equipe a entrar em uma obra e a última a sair, graças ao fato de conseguirem estar em todas as fases de um projeto”, diz.

Lançamentos

Genie reunió a sus principales representantes de Argentina, Colombia, Chile, Perú y Venezuela Genie reuniu seus principais representantes da Argentina, Colômbia, Chile, Peru e Venezuela (Foto: KHL).

Um importante anúncio feito durante o evento foi que as novas lanças Genie S-60 DC e S-60 FE, lançadas no primeiro semestre deste ano, já estão disponíveis para compra nos mercados latino-americanos com entregas programadas a partir do primeiro trimestre de ano que vem, assim anunciou Avellaneda.

Com uma altura de trabalho de 20,6 m e uma altura do cesto de 18,6 m, as lanças Genie S-60 DC e S-60 FE se baseiam no sucesso da tecnologia 100% elétrica DC e da tecnologia híbrida FE. o canteiro de obras que requer menos manutenção e oferece um custo total de propriedade mais baixo.

“Esses novos equipamentos oferecem custo total de propriedade 10% menor que a versão diesel, taxa de locação e utilização 10% maior e peso total 30% menor”, ​​detalha o executivo.

Outra novidade da Genie é o relançamento de seu manipulador telescópico GTH 1256, que, segundo Avellaneda, oferece “a tabela de carga mais ampla do setor”. O equipamento oferece capacidade máxima de elevação de 5.443 kg; uma altura de elevação de até 17 metros e um alcance horizontal máximo de 12,8 metros.

O GTH 1256 é fabricado na fábrica recém-inaugurada da Genie em Monterrey, México.

Pós-venda

A reunião também teve um forte foco nos serviços de pós-venda da Genie para seus revendedores e clientes. Rafael Antonio, gerente de peças e serviços, referiu-se principalmente ao treinamento online e presencial oferecido pela Genie para treinamento de operadores e serviços técnicos, com treinamento personalizado e adaptado às necessidades das diferentes empresas.

Por sua vez, Thiago Fernandes, supervisor de peças, destacou as atualizações que a plataforma de e-commerce da empresa, lançada no final do ano passado, passou e que hoje está mais fácil e intuitiva de navegar.

REVISTA
BOLETIM
Entregue diretamente na sua caixa de entrada, o Informativo Semanal da Construção traz a seleção das últimas notícias, lançamentos de produtos, reportagens e muito mais informações sobre o setor de infraestrutura na América Latina e no mundo.
Reportagens
Perspectivas econômicas e de construção para a América Central
Scott Hazelton, da IHS Markits, fornece uma análise profunda da situação atual nos países da América Central.
Escavadeiras: Novas energias
Grandes equipamentos estão procurando maneiras de se tornar mais eficientes, produtivas e com menor impacto sobre o meio ambiente.
Versatilidade de carga
Compactas ou enormes, estas máquinas estão ganhando terreno nos principais locais de terraplenagem ao redor do mundo.
CONECTAR-SE COM A EQUIPE
Cristian Peters
Cristián Peters Editor Tel: +56 977987493 E-mail: cristián.peters@khl.com
Matt Burk Gerente de vendasr Tel: +1 312 496 3314 E-mail: matt.burk@khl.com
CONECTAR-SE COM A MÍDIA SOCIAL