Fluke lança novos Testadores de Isolamento

Adequados para aplicações industriais e solares, os equipamentos Fluke 1535 e Fluke 1537 permitem a realização de testes que protegem e prolongam a vida útil dos sistemas elétricos e dos motores.

A Fluke do Brasil, de ferramentas de teste e medição, anuncia o lançamento dos Testadores de Isolamento Fluke 1535 e Fluke 1537. Adequados para aplicações industriais e solares, os novos equipamentos chegam para o portfólio da companhia com a capacidade de testar uma ampla gama de equipamentos de forma rápida e fácil.

Foto: Divulgação

Dentre as funcionalidades dos testadores, destacam-se os testes de tensão selecionáveis; alcance de até 500 GΩ na medição da resistência de isolamento; cálculos inteligentes, alta capacidade de medição e recursos de segurança aprimorados, em conformidade com a categoria de segurança CAT IV 600V.

Manutenção preventiva

Segundo o Osvaldo Conegundes, Gerente de Produtos LATAM da Fluke, os testadores de isolamento são essenciais na rotina de manutenção, pois podem ser usados para determinar a integridade de enrolamentos ou cabos em motores, transformadores, painéis de distribuição e instalações elétricas. “O motivo mais importante para testar o isolamento é garantir a segurança pública e pessoal. Além disso, os testes são importantes para proteger e prolongar a vida útil dos sistemas elétricos e dos motores, uma vez que podem fornecer informações valiosas sobre o estado de deterioração dos isolamentos, ajudando a prever possíveis falhas do sistema”, explica Conegundes.

Desenvolvidos para otimizar o dia a dia de técnicos e empreiteiros que atuam com manutenção de motores, transformadores e gabinete de energia, os equipamentos permitem, ainda, a realização de testes de isolamento regulares. “Considerando que os problemas de isolamento, muitas vezes, são os grandes culpados pelas falhas nos motores, essa prática minimiza o tempo de inatividade e evita a necessidade de sua substituição, mantendo o desempenho e a eficiência dos motores consistentes, além de aumentar a segurança ao identificar possíveis problemas elétricos”, destaca Conegundes.

Além disso, em aplicações solares, temperaturas extremas, exposição aos raios UV e umidade podem afetar negativamente o isolamento e os componentes elétricos, conta o Gerente de Produtos da Fluke. “Com o teste de isolamento, é possível resolver proativamente esses problemas, garantindo a longevidade e a segurança de instalações solares”, afirma Osvaldo Conegundes.

Diferenciais do Fluke 1537

Além de todas as funcionalidades do Fluke 1535, o Fluke 1537 permite medições de resistência estáveis e modo de teste de rampa. “Além de obter medições de resistência mais rápidas e estáveis com uma corrente de curto-circuito de até 5mA, o Fluke 1537 permite o aumento linear da tensão de teste aplicada em 100 V/s, para ajudar a identificar condições de falha potencialmente difíceis de identificar”, explica Conegundes.

Conformidade

Realizar testes de isolamento também estão previstos em normas, segundo Conegundes. Só no Brasil, a ABNT NBR 5410 rege sobre instalações elétricas de baixa tensão e determina que os ensaios de resistência de isolamento da instalação elétrica devem ser realizados quando pertinentes.

Já a ABNT NBR 16274, é a norma para sistemas fotovoltaicos conectados à rede, sendo o ensaio de resistência de isolamento dos circuitos CC um requisito mínimo para a documentação, comissionamento, inspeção e avaliação do desempenho dos sistemas fotovoltaicos.

BOLETIM
Entregue diretamente na sua caixa de entrada, o Informativo Semanal da Construção traz a seleção das últimas notícias, lançamentos de produtos, reportagens e muito mais informações sobre o setor de infraestrutura na América Latina e no mundo.
CONECTAR-SE COM A EQUIPE
Cristian Peters
Cristián Peters Editor Tel: +56 977987493 E-mail: cristiá[email protected]
Simon Kelly Gerente de vendas Tel: 44 (0) 1892 786223 E-mail: [email protected]
CONECTAR-SE COM A MÍDIA SOCIAL