Estudo encomendado pela Liebherr confirma que a neutralidade tecnológica reduz ao máximo as emissões

By Luciana Guimaraes13 June 2022

Em nome do Grupo Liebherr, a empresa de consultoria Frontier Economics realizou uma análise do ciclo de vida das emissões de gases de efeito estufa de máquinas de construção típicas equipadas com várias tecnologias de acionamento. Os especialistas determinaram quanto CO2 surge da produção até a operação, passando pela reciclagem das máquinas.

O potencial de economia de emissões de CO2 é maior em guindastes móveis com acionamento HVO.

A fim de alcançar os objetivos climáticos internacionais, as economias do mundo inteiro devem reduzir significativamente suas emissões de gases de efeito estufa em todos os setores. Isto também se aplica à indústria da construção e seus parceiros.

Concluiu-se que:

O potencial de economia de emissões de CO2 é maior em guindastes móveis com acionamento HVO. No estudo, foi utilizado um guindaste móvel LTM 1160-5.2.

Intuito é de poder reconhecer e avaliar como as emissões de gases das estufas podem ser reduzidas de forma mais eficaz.

Ao fazer isso, é importante observar o ciclo de vida geral das máquinas. Isto abrange desde a mineração e o transporte das matérias-primas até a produção e o funcionamento real da máquina até o descarte e reciclagem: “As análises de emissões são geralmente limitadas à fase de operação. Isto não é suficiente para nossos produtos porque as emissões de gases de efeito estufa também ocorrem nas fases a montante e a jusante dos ciclos de vida das máquinas de construção”, afirma Stephen Albrecht, Membro do Conselho de Administração da Liebherr-International AG.

REVISTA
BOLETIM
Entregue diretamente na sua caixa de entrada, o Informativo Semanal da Construção traz a seleção das últimas notícias, lançamentos de produtos, reportagens e muito mais informações sobre o setor de infraestrutura na América Latina e no mundo.
Reportagens
Mills: O projeto ideal
Há quase 7 décadas, a pioneira na locação de equipamentos para a execução de trabalhos em altura, com a maior frota de PEMT da América Latina, se supera dia a dia, em busca de inovação e diferencial no que se refere à qualidade e entrega.
Indústria de locação sem papel
Como avançar em direção a uma indústria sem papel?
Entrevista com Inform: América Latina Artificial
A inteligência artificial está tomando cada vez mais o centro das atenções na região, e novos jogadores estão entrando na arena.
CONECTAR-SE COM A EQUIPE
Cristian Peters
Cristián Peters Editor Tel: +56 977987493 E-mail: cristián.peters@khl.com
Wil Holloway Gerente de vendasr Tel: +1 312 9292563 E-mail: wil.holloway@khl.com
CONECTAR-SE COM A MÍDIA SOCIAL