Dificuldade para conseguir cavilhas preocupa construtores na Venezuela

10 August 2011

Cabillas

Cabillas

Os construtores privados na Venezuela estão vivendo, desde 2010, um verdadeiro calvário devido à escassez de cavilha na região.

Segundo Antonio José Bejarano, presidente da Câmara Venezuelana da Construção do Estado Carabobo, a situação "é muito grave, cada vez pior, vem de anos. Cada vez a cavilha fica mais escassa".

Garante que o assunto está chegando ao extremo, já que às vezes é possível conseguir o produto uma vez por mês, mas entre 10 e 15% da quantidade necessária e com um preço superior ao que deveria ser.

Os construtores terminam pagando três ou quatro vezes mais caro pela cavilha, o que -segundo Bejarano- encarece os custos, ocasiona atrasos nas obras, gera ócio entre os trabalhadores, o que termina sendo muito caro para o promotor.

Apesar de que o Governo anunciou ações para destravar a distribuição de cavilha e cimento, após o descobrimento de máfias comercializadoras, os que trabalham na indústria ainda não enxergam resultados. Garantem que, inclusive, obras relacionadas com a "Misión Vivienda", plano de habitação do governo, ficam paralisadas por falta do insumo.

CONECTAR-SE COM A EQUIPE
Cristian Peters
Cristián Peters Editor Tel: +56 977987493 E-mail: cristiá[email protected]
CONECTAR-SE COM A MÍDIA SOCIAL