Construindo sobre a natureza para retardar a mudança climática

By Cristián Peters10 January 2023

Coluna escrita por Vilma Pérez, Líder de Sustentabilidade na Arcadis Chile

Estabelecido pelas Nações Unidas como um dia de conscientização sobre a mudança climática e seus impactos, a celebração do Dia Mundial de Redução de Emissões de CO2 é um momento de reflexão e ação em todos os níveis: global, local e em cada uma de nossas áreas de ação.

O desafio para mitigar a mudança climática - e manter a mudança climática abaixo de 1,5 graus Celsius - é enorme. A meta de alcançar zero emissões até 2050 exige que 50% das reduções ocorram antes de 2030. Em outras palavras, a ação climática é urgente agora, e somente desta forma podemos evitar efeitos devastadores e irreversíveis.

Vilma Pérez, Líder de Sostenibilidad de Arcadis Chile Vilma Pérez, Líder de Sustentabilidade da Arcadis Chile. (Foto: Arcadis)

A humanidade precisa reduzir a produção de combustíveis fósseis em cerca de 6% ao ano durante a década atual. Um desafio particularmente complexo se, nas palavras do Secretário-Geral da ONU Antonio Guterres, nossa sociedade é “viciada” em elementos como o gás, o petróleo e o carvão.

Somos a primeira geração a sofrer os efeitos da crise e a última que pode agir para revertê-los. O Chile está dando passos importantes nessa direção, sendo um deles a promulgação da Lei-Quadro sobre Mudança Climática em junho de 2022, estabelecendo o objetivo de que o país seja neutro em carbono e resistente ao clima até 2050, o mais tardar.

É crucial que as ações de mitigação e adaptação andem de mãos dadas. As soluções baseadas na natureza, por exemplo, oferecem uma resposta interessante, pois contribuem para melhorar a resiliência climática de forma mais sustentável, ao mesmo tempo em que revertem a perda de biodiversidade e reduzem nossa pegada de carbono.

Neste contexto, a Arcadis desenvolveu um livro branco para analisar iniciativas potenciais neste sentido, avaliando aquelas experiências baseadas na natureza que podem ajudar empresas, comunidades e cidades a se adaptarem de forma sustentável e resiliente às mudanças climáticas, da maneira mais equitativa possível.

As soluções baseadas na natureza procuram entender em cada contexto como a natureza funciona no local específico e, com base nesse entendimento, gerar soluções eficazes e sustentáveis, por exemplo, para proteger áreas costeiras vulneráveis da elevação do nível do mar e tempestades mais severas devido às ameaças da mudança climática.

O objetivo deste aprendizado - fruto de várias décadas de trabalho em conjunto com as partes interessadas públicas e privadas - é inspirar a tomar as ações corretas de uma forma mais acelerada. Neste contexto, ser líderes em política e ação climática é uma tarefa sobre a qual devemos nos apaixonar no ano que vem.

REVISTA
BOLETIM
Entregue diretamente na sua caixa de entrada, o Informativo Semanal da Construção traz a seleção das últimas notícias, lançamentos de produtos, reportagens e muito mais informações sobre o setor de infraestrutura na América Latina e no mundo.
Reportagens
Dicas para maior eficiência de equipamentos
Quatro dicas testadas ao longo do tempo para aumentar o tempo de atividade
AMMANN: Soluções competitivas e integradas
Com uma linhagem familiar de sucesso, a Ammann se destaca no cenário internacional desde 1869. Hans-Christian Schneider, atual CEO da Ammann, é a sexta geração a administrar a empresa que mantém sua curva de crescimento e notoriedade.
CONECTAR-SE COM A EQUIPE
Cristian Peters
Cristián Peters Editor Tel: +56 977987493 E-mail: cristián.peters@khl.com
Matt Burk Gerente de vendasr Tel: +1 312 496 3314 E-mail: matt.burk@khl.com
CONECTAR-SE COM A MÍDIA SOCIAL