Colbún inicia construção do parque eólico Horizonte

By Luciana Guimaraes20 December 2021

Colbun parque horiztone

Com a construção das obras de acesso ao futuro parque e das primeiras minas, a Colbún anunciou o início da construção do seu parque eólico Horizonte, cujo financiamento foi aprovado no final de setembro pelo conselho de administração da empresa. “Essa fase, que começou formalmente em novembro, terá duração de 35 meses, contemplando uma média de 600 trabalhadores, chegando a um pico de 1.200”, informou a empresa.

Horizonte ficará 130 quilômetros a nordeste da cidade de Taltal e cerca de 80 quilômetros a leste da cidade de Paposo (região de Antofagasta, norte do Chile), contemplando a construção de 140 aerogeradores e uma capacidade de 778 MW, tornando-se assim o maior eólico terrestre fazenda da América Latina e uma das maiores de capacidade instalada mundial. O novo parque eólico contemplará uma geração média anual de 2.400 GWh, o equivalente ao consumo de mais de 700.000 residências.

A operação está prevista para começar em 2024 e evitará a emissão de 1,2 milhão de toneladas de CO2 por ano. O projeto irá aumentar a capacidade de geração eólica da Região de Antofagasta em 70%, considerando tanto os projetos que já estão em operação quanto aqueles em fase de construção.

Colbun parque horiztone

Ressalta-se que Horizonte faz parte de uma carteira de projetos renováveis ​​Colbún em estágio avançado de desenvolvimento de cerca de 1.800 MW. Além disso, a empresa continua avançando em um portfólio de projetos em estágios anteriores de 1.000 MW adicionais.

BOLETIM
Entregue diretamente na sua caixa de entrada, o Informativo Semanal da Construção traz a seleção das últimas notícias, lançamentos de produtos, reportagens e muito mais informações sobre o setor de infraestrutura na América Latina e no mundo.
CONECTAR-SE COM A EQUIPE
Cristian Peters
Cristián Peters Editor Tel: +56 977987493 E-mail: cristián.peters@khl.com
Simon Kelly Gerente de vendasr Tel: 44 (0) 1892 786223< E-mail: simon.kelly@khl.com
CONECTAR-SE COM A MÍDIA SOCIAL