Cimento para de cair no Brasil

By Fausto Oliveira10 May 2018

SNIC afirma que primeiro quadrimestre do ano teve resultado praticamente plano. Abril cresceu 8,9% interanual.

De acordo com o Sindicato Nacional da Indústria de Cimento (SNIC), a indústria cimenteira fechou o primeiro quadrimestre do ano com vendas acumuladas de 16,9 milhões de toneladas, o que foi uma queda de 0,2% com relação aos primeiros quatro meses do ano passado.

Considerando apenas o mês de abril, as empresas nacionais produtoras de cimento obtiveram um crescimento de 8,9% na comparação com abril do ano passado. Parece que, como se comenta, a lenta recuperação do mercado de cimento brasileiro, que tem ao redor de 47% de sua capacidade produtiva em ociosidade, vai acontecendo.

O presidente do SNIC, Paulo Camillo Penna, afirmou que “ao final do trimestre abril-junho-maio, devemos anunciar nossos primeiros resultados positivos desde 2015, e fechar o ano com crescimento próximo a 1%”.

REVISTA
BOLETIM
Entregue diretamente na sua caixa de entrada, o Informativo Semanal da Construção traz a seleção das últimas notícias, lançamentos de produtos, reportagens e muito mais informações sobre o setor de infraestrutura na América Latina e no mundo.
Reportagens
Dados que impulsionam as máquinas
Como os fluxos de dados de monitoramento podem reduzir custos e emissões de carbono e talvez um dia permitir que as máquinas funcionem por conta própria
Visita a Tinaja Hills
CLA visitou o Centro de Demonstração e Aprendizagem da Caterpillar em Tucson
Entrevista Engemix: qualidade concreta
A Engemix é uma empresa do grupo Votorantim Cimentos, a maior fabricante de cimento do Brasil e uma das maiores fabricantes do produto do mundo
CONECTAR-SE COM A EQUIPE
Cristian Peters
Cristián Peters Editor Tel: +56 977987493 E-mail: cristián.peters@khl.com
Wil Holloway Gerente de vendasr Tel: +1 312 9292563 E-mail: wil.holloway@khl.com
CONECTAR-SE COM A MÍDIA SOCIAL