CBC prevê uma queda nos projetos de investimento no Chile

By Cristián Peters Quiroga06 June 2022

Em uma nova edição dos “Encontros do Aço”, organizada pelo Instituto Chileno do Aço, ICHA, foi discutido o tema “Situação econômica mundial e suas repercussões na indústria do aço”. A análise foi realizada pelo jornalista e analista internacional Raúl Söhr e pelo gerente geral da Corporación de Bienes de Capital (CBC), Orlando Castillo.

Castillo ressaltou que, para o quarto trimestre deste ano, a instituição prevê um nível de investimento em projetos de construção de US$ 4.772 milhões, o que representa uma redução de 8% em relação aos US$ 5.178 milhões registrados no primeiro trimestre deste ano.

O investimento estimado para 2022 atinge um volume de US$ 20.468 milhões e é 4% inferior ao obtido durante 2021, disse o gerente geral do CBCEC. Deste volume total, 77% corresponde a projetos que já começaram a ser construídos e 23% a serem iniciados durante o ano.

Os investimentos nos setores de tecnologia, obras públicas e mineração seriam os que registrariam aumentos este ano, enquanto que são esperadas quedas significativas nas áreas imobiliária, energética e industrial.

Em sua análise, Orlando Castillo salientou que “existe o risco de que a diminuição da intensidade do investimento seja maior que -8% devido ao fato de que 23% dos gastos estão associados a projetos que estão programados para iniciar a construção em 2022”. O processo constitucional, as condições políticas e econômicas locais, e a situação internacional devido ao conflito militar Rússia/Ucrânia são variáveis que podem afetar a programação dos projetos em preparação.

Período quinquenal 2022-2026

Em relação ao período de cinco anos 2022-2026, Castillo disse que, com as informações disponíveis, pode-se prever que os setores de Obras Públicas e Mineração serão responsáveis pelo maior investimento no período com 39% e 28% respectivamente, seguidos pelo setor de Energia com 12% e o de Imóveis com 10%. Ele acrescentou que ao final do período de cinco anos, o setor de Obras Públicas é o único a aumentar significativamente sua importância relativa no cadastro, enquanto a mineração deve reduzir consideravelmente sua intensidade de investimento.

Em relação ao panorama econômico mundial, o analista e jornalista, Raúl Söhr, salientou que na última década foi registrada no mundo uma tendência chamada “Soberania”, que se traduz simplesmente na busca de várias nações para satisfazer suas demandas internas, afetando negativamente o processo de globalização. Ele apontou que Donald Trump nos Estados Unidos com seu “America First” conduziu esta política, mas também apontou para a Grã-Bretanha com sua saída da União Européia. Ele também citou como exemplos as políticas protecionistas da Índia e do Brasil de Bolsonaro.

Söhr ressaltou que, enquanto a COVID-19 representou um grande golpe na globalização, um risco talvez maior é a guerra entre a Rússia e a Ucrânia, pois poderia reavivar uma nova versão da Guerra Fria e a divisão do mundo em blocos. Isso, disse ele, “seria a pior coisa que poderia acontecer ao comércio internacional”.

O analista explicou que a grande preocupação de cada país é satisfazer sua necessidade básica de alimentos, neste ponto ele parou para dizer que 33% do trigo do mundo é produzido pela Rússia e pela Ucrânia. Assim, sua análise é que as nações podem começar a fechar seus mercados a fim de poderem ser auto-suficientes, como ele disse, “a fome tem sérios custos políticos”.

A apresentação de Orlando Castillo pode ser baixada do site do ICHA www.icha.cl no link https://icha.cl/cbc-panorama-de-inversiones-reporte-al-1er-trimestre-2022/, enquanto o vídeo “Steel Encounters” com ambas as apresentações pode ser visto em nosso canal no Youtube, no link https://www.youtube.com/watch?v=AWe-muPjQGk.

REVISTA
BOLETIM
Entregue diretamente na sua caixa de entrada, o Informativo Semanal da Construção traz a seleção das últimas notícias, lançamentos de produtos, reportagens e muito mais informações sobre o setor de infraestrutura na América Latina e no mundo.
Reportagens
Mills: O projeto ideal
Há quase 7 décadas, a pioneira na locação de equipamentos para a execução de trabalhos em altura, com a maior frota de PEMT da América Latina, se supera dia a dia, em busca de inovação e diferencial no que se refere à qualidade e entrega.
Indústria de locação sem papel
Como avançar em direção a uma indústria sem papel?
Entrevista com Inform: América Latina Artificial
A inteligência artificial está tomando cada vez mais o centro das atenções na região, e novos jogadores estão entrando na arena.
CONECTAR-SE COM A EQUIPE
Cristian Peters
Cristián Peters Editor Tel: +56 977987493 E-mail: cristián.peters@khl.com
Wil Holloway Gerente de vendasr Tel: +1 312 9292563 E-mail: wil.holloway@khl.com
CONECTAR-SE COM A MÍDIA SOCIAL