Buenos Aires anuncia plano de obras rodoviárias

By Fausto Oliveira02 October 2014

O Ministério da Infraestrutura da Argentina e o governo da província de Buenos Aires anunciaram o compromisso de recursos públicos com um plano de construção de rodovias na principal província do país. De acordo com o plano, cerca de 4,4 mil quilômetros de vias provinciais serão pavimentados.

Em reunião com deputados provinciais nessa semana, o ministro Alejandro Arlía se referiu ao plano afirmando que do total de quilômetros que se prevê pavimentar, 3.860 estariam contratados e “a ponto de se iniciar”, enquanto 524 estariam em processo de licitação e 45 quilômetros ainda estariam por licitar.

O financiamento das obras rodoviárias da província de Buenos Aires, de acordo com a autoridade, será por meio de um Fundo Rodoviário, ou seja, mediante obras públicas.

Números do departamento de rodovias de Buenos Aires mostram que a malha viária da província tem um total de 36.632 quilômetros, dos quais apenas 10.657 estariam asfaltados. O mau estado das estradas desperta reclamações no setor agrícola, pelas dificuldades em transportar alimentos e outras cargas à capital do país.

REVISTA
BOLETIM
Entregue diretamente na sua caixa de entrada, o Informativo Semanal da Construção traz a seleção das últimas notícias, lançamentos de produtos, reportagens e muito mais informações sobre o setor de infraestrutura na América Latina e no mundo.
Reportagens
As 50 maiores construtoras da América Latina - versão 2021
Esta lista apresenta uma queda de 15,2% na receita de 2020 em relação ao CLA50 do ano passado.
Grupo Burger: impulsionando o crescimento
Stacy Burger comenta sobre o crescimento do Grupo Burger e os desafios futuros.
Locar: Solidez e boa gestão
Amilcar Spinetti Filho conversou com a CLA sobre a estabilização do mercado e crescimento futuro.
CONECTAR-SE COM A EQUIPE
Cristian Peters
Cristián Peters Editor Tel: +56 977987493 E-mail: cristián.peters@khl.com
Wil Holloway Gerente de vendasr Tel: +1 312 9292563 E-mail: wil.holloway@khl.com
CONECTAR-SE COM A MÍDIA SOCIAL