Britagem e peneiramento: Tempo de novidades

By Fausto Oliveira12 May 2017

127302 metso

As últimas novidades em termos de tecnologia para o setor de britagem e peneiramento foram mostradas na última ConExpo, que aconteceu em Las Vegas, em março. Ali, o setor colocou tudo o que tinha. Não houve provedor que tenha desperdiçado a oportunidade, e é neste contexto que o panorama de pedreiras e produtos pétreos para construção tem diante de si um importante salto de qualidade potencial.

Embora a América Latina não esteja nos mesmos níveis de tecnologia em muitos segmentos, a indústria de britagem e peneiramento se atualiza regularmente com a tecnologia e a qualidade proporcionada pelos grandes nomes do setor.

Avanços

A finlandesa Metso veio com tudo e mais um pouco na Conexpo, com uma variedade muito interessante de lançamentos. Mas entre tudo o que apresentou esta tradicional marca de máquinas de britagem, seguramente se destacou uma inovação que despertou interesse de todos os que visitaram o estande. Trata-se da tecnologia MX de seu novo britador de cone, batizado de Metso MX.

A tecnologia MX está baseada em um trabalho conjunto entre o pistão e o tambor rotacional. De acordo com a empresa, o que está sendo chamado Multi-Action Technology é que no seu novo cone se permite ajustar as forças do pistão central e do tambor automaticamente. A Metso afirma que, com esta característica, o britador poderá se ajustar sem necessidade de parar a operação. Com isso, se ganha na compensação das peças de desgaste do revestimento do tambor: com sua utilização, estas peças se gastam e em geral se para o cone para trocá-las, mas ao automatizar esta compensação com a Multi-Action Technology este tempo de parada se otimiza.

A finlandesa afirma também que com esta mudança no processo de produção de agregados, o Metso MX pode trabalhar 10% mais de tempo sem interrupções que a média do mercado, enquanto pela compensação apropriada da utilização das partes consumíveis, o custo operacional do equipamento seria 10% menor do que a média do mercado. Também entra nestas contas o índice de até 70% das partes consumíveis do tambor, o que pressupõe que estes elementos trabalham bem até 70% de sua massa estarem desgastados pelo processo de britagem.

A alemã Kleemann, empresa que pertence ao Grupo Wirtgen, trouxe a Las Vegas uma inovação que tem a ver com o controle da operação. E obviamente a incorporou a um de seus lançamentos de máquinas de britagem.

Especializada em equipamentos móveis de britagem e peneiramento, a Kleemann apresentou a tecnologia SPECTIVE, que tem como principal qualidade a simplicidade de utilização. Segundo a companhia, a tela do seu novo sistema é completamente intuitiva, e permite ter acesso à totalidade dos dados operacionais e de consumo do equipamento, sem excesso de símbolos e ícones que poderiam confundir o operador.

O sistema SPECTIVE é suportado por uma tela tátil de 12 polegadas que leva o operador a buscar soluções para problemas ou informações sobre a máquina através de uma representação gráfica da máquina, sem maiores intermediações visuais ou de leitura. Com isso, se promete reduzir tempos de inatividade. Até o momento, este novo sistema da Kleemann está disponível no novo Mobicone COM 11 PRO, britador móvel de cone lançado na feira nos Estados Unidos.

Por sua vez, a sueca Sandvik apresentou na Conexpo, além de novidades em termos de máquina, uma interessante solução de serviços. O Sandvik Reborn é uma proposta para permitir a substituição de um britador de planta fixa quando este chegar ao fim de sua vida útil, sem que com isso tenham que se trocar os sistemas auxiliares.

De acordo com a Sandvik, se se usa esta solução, os custos de uma substituição do sistema de britagem em uma planta fixa podem baixar em até 40%. Tudo porque, se os auxiliares têm ainda condição de uso, não haveria necessidade de trocar motor, tanques hidráulico e de lubrificante, mangueiras, resfriadores, gabinetes elétricos e cabos.

Por meio desta solução tipicamente “plug and play”, a Sandvik também oferece a alternativa da recompra do cone usado, quando for o momento de uma troca. A companha promete também que a garantia do novo cone é de três anos, e que um técnico especialista supervisionará a instalação do novo equipamento.

O serviço Sandvik Reborn está disponível para quem utilize os seguintes britadores de cone de planta fixa da empresa: CH420, CH430, CH440, CH660 e CH870.

Já da parte da Terex e suas duas marcas de equipamentos de britagem – Finlay e Powerscreen – as novidades também deram a tônica na Conexpo.

A Terex Finlay apresentou o novo britador de impacto móvel I-140. O equipamento é uma evolução de sua Linha I, na qual a Finlay se especializa no sistema de britagem por impacto. O enfoque parece ter sido a constante melhora do fluxo de materiais britados no interior do equipamento. Assim, o I-140 tem uma de suas principais características na largura progressiva dos espaços internos.

Isso quer dizer que desde o momento de entrada na abertura de alimentação até sua saída na correia final, o material pétreo vai passando por espaços mais largos. Faz sentido, porque obviamente quanto mais britado, mais espaços internos aparecem entre as pedras. Com a largura progressiva, a Terex Finlay contribui para evitar engasgos no interior do sistema.

Ainda que por agora só o I-140 venha de fábrica com o novo sistema de fluxo melhorado, a Terex Finlay comunicou que pretende implementar esta novidade em toda sua linha de britadores de impacto ao longo do tempo.

Com relação à Powerscreen, a marca irlandesa da Terex ampliou ainda mais sua linha de peneiras Warrior, uma especialidade tradicional da empresa. Com os lançamentos da Warrior 600, compacta, e Warrior 2400, de grande porte, a marca tem agora uma gama de peneiras de classe mundial.

A Powerscreen afirma que a Warrior 600 pode oferecer muita versatilidade aos operadores de pedreira, entre outros motivos porque em questão de minutos a peneira pode mudar o modo de operação de duas para três correias, e vice-versa. Com isso, se adapta facilmente a operação para uma melhor classificação dos materiais, definindo melhor o empilhamento de material processado.

A Warrior 2400 é uma máquina de grande porte, específica para o que na indústria se conhece como heavy duty. Uma das principais características desta peneira móvel é a estrutura inclinada da câmara de britagem mobilizada com alta amplitude por um espaço de queda do material em três níveis. Tal como sua irmã compacta Warrior 600, a Warrior 2400 pode trabalhar com dois ou três empilhamentos simultâneos.

Ambos os equipamentos podem classificar agregados recém triturados ou, o que especialmente interessante quando se fala de peneiras, material reciclado. Nisto, entram restos de demolição, minerais, carvão e material vegetal.

Mercado

Embora seja verdade que em termos de tecnologia as novidades são muitas, também há movimento no mercado mundial destes equipamentos e sistemas.

Um exemplo disto vem da Astec do Brasil. A filial aberta há quase dois anos no país comprova que vale a pena semear em terra seca para colher quando a chuva voltar. Em meio à maior crise econômica do Brasil nas últimas décadas, a companhia consegue manter um nível razoável de atividade na fabricação de máquinas de britagem e peneiramento, vendendo-os para países vizinhos.

Assim aconteceu recentemente quando a Astec do Brasil introduziu duas unidades de seu britador móvel montado sobre veículo CM44SBS no mercado argentino. Esta solução da Astec é muito apropriada para mercados em desenvolvimento, onde se aprecia a mobilidade da britagem  por suas óbvias vantagens, mas nem sempre uma pequena empresa tem o capital para formar uma frota de britadores móveis sobre esteiras.

Os conjuntos CM44SBS trazem o mesmo britador de cone Telsmith 44SBS que o fabricante provê para plantas fixas. Mas além disso, eles são montados com uma peneira Vibro King 6x20 TD. Com este kit, se pode fazer britagem primária e secundária em pequena escala, inclusive por demanda. Isso atende, por exemplo, uma obra de reforma rodoviária que demande agregados em certa quantidade para produção de asfalto in situ. Neste caso, o transporte dos agregados seria um problema controlado com o conjunto móvel sobre veículo da Astec.

Além do cliente argentino, a Astec do Brasil recentemente proveu também outra unidade do mesmo conjunto móvel a um cliente do Brasil, de área de mineração no estado do Pará.

Outro fabricante que vem crescendo sua participação no mercado latino-americano é a austríaca Rubble Master. Dona de um portfólio especializado em máquinas de britagem e peneiramento móvel compactas, a empresa teve um 2016 de sonho em sua expansão mundial.

As vendas de seus equipamentos cresceram 27%, segundo a empresa, e com novas associações de empresas locais a sua rede de distribuição, a Rubble Master agora tem cerca de 70 distribuidores. Na América do Sul, a empresa agregou as empresas Promisa, da Bolívia, e Proyec, da Paraguai, a sua rede. Com elas, a marca aumenta sua presença latino-americana, que já tem representação no Chile, Colômbia, Costa Rica, México e Peru.

Na Conexpo, a Rubble Master lançou dois novos modelos de sua linha GO! de britadores móveis. Os novos modelos são o RM 70GO! e o RM 100GO! Mas atenção especial recebeu a correia retroalimentadora de material, incorporada de fábrica no modelo RM 100GO!, e que é capaz de reintroduzir no canal de britagem todo o material de tamanho maior que o pretendido na operação.

Como esta correia é movível hidraulicamente, também serve para empilhar este material em qualquer ângulo entre 90 e 180 graus. E mais, de acordo com o fabricante, a altura da correia transportadora permitiria abastecer caminhões diretamente desde o britador, eliminando uma etapa do serviço.

Definitivamente, este é um segmento da indústria de maquinário que recebe algumas das mais significativas apostas de investimento em tecnologia. A isto, obviamente, corresponde uma renhida luta pelos mercados globais.

 

Superior Industries agora fala espanhol

Uma empresa conduzida por jovens entusiastas do processamento e transporte de minerais: assim se poderia descrever a Superior Industries, fabricante de sistemas de britagem, peneiramento e transporte de material a granel por meio de transportadores telescópicos. 

Fundada em 1972 no estado de Minnesota, por uma família de provedores de concreto, a companhia se tornou uma indústria com soluções completas para o setor de agregados ao redor do início deste século. Começou ali uma expansão de mercado dentro dos EUA e pelo Canadá que, nos últimos dois anos, tem seu capítulo latino-americano.

Após adquirir o Grupo Parcan, no Brasil, para atuar na fabricação e provimento local de componentes de estações de processamento para a indústria mineradora, chegou o momento de promover seu portfólio de máquinas de britagem junto à América Latina em seu conjunto.

Assim, o site da empresa ganhou uma versão em espanhol. Ali está todo o portfólio de equipamentos Superior e os contatos necessários para adquirir seus produtos e receber suporte de pós-venda. Para ter acesso ao novo site da Superior Industries em espanho, o endereço é  www.superior-ind.com/es.

REVISTA
BOLETIM
Entregue diretamente na sua caixa de entrada, o Informativo Semanal da Construção traz a seleção das últimas notícias, lançamentos de produtos, reportagens e muito mais informações sobre o setor de infraestrutura na América Latina e no mundo.
Reportagens
Um ponto fora da curva…
O Brasil, na contramão de muitos países que se viram seriamente afetados pela crise sanitária mundial, se estabelece dia após dia como potência econômica no que tange a indústria e tal propensão se fortalece com o número de obras que se difundem por todo território nacional.
Energia do futuro
Como grupos geradores e sistemas de armazenamento baseados em bateria podem substituir a energia a diesel.
Construção centro-americana
A pandemia e economias fortemente dependentes tornam a recuperação desta região mais complexa.
CONECTAR-SE COM A EQUIPE
Cristian Peters
Cristián Peters Editor Tel: +56 977987493 E-mail: cristián.peters@khl.com
Wil Holloway Gerente de vendasr Tel: +1 312 9292563 E-mail: wil.holloway@khl.com
CONECTAR-SE COM A MÍDIA SOCIAL