BID encerrou 2015 com mais aprovações de financiamento

By Juliana De Andrade21 January 2016

BID

BID

Em cumprimento com seu compromisso de apoiar as economias menores e mais vulneráveis da América Latina, o BID dedicou 50% de seus recursos aprovados no ano passado a países com essas características. Sendo assim, a entidade aprovou um total de US$11,3 bilhões de empréstimos e garantias e desembolsou US$10,4 bilhões durante o ano de 2015 para países mutuários na América Latina e no Caribe.

As operações se concentraram nas áreas sinalizadas como prioritárias no âmbito do aumento de capital do BID acordado em 2010: 39% dos novos recursos foram usados em projetos de infraestrutura e meio ambiente, 32% para o desenvolvimento institucional, 21% para programas sociais e 8% em projetos de comércio de integração regional.

Durante o ano de 2015 o Banco tomou uma série de medidas de austeridade administrativas em consonância com as providências adotadas por muitos de seus países membros frente às mudanças nas condições econômicas globais. Com isso finalizou a consolidação de suas atividades com o setor privado na Corporação Interamericana de Investimentos, a renovada CII, que iniciou suas operações no início deste mês e pretende aprovar financiamentos de até US$2,9 bilhões este ano.

O BID anunciou ainda que a busca por economia de recursos continuará em 2016.

REVISTA
BOLETIM
Entregue diretamente na sua caixa de entrada, o Informativo Semanal da Construção traz a seleção das últimas notícias, lançamentos de produtos, reportagens e muito mais informações sobre o setor de infraestrutura na América Latina e no mundo.
Reportagens
Um ponto fora da curva…
O Brasil, na contramão de muitos países que se viram seriamente afetados pela crise sanitária mundial, se estabelece dia após dia como potência econômica no que tange a indústria e tal propensão se fortalece com o número de obras que se difundem por todo território nacional.
Energia do futuro
Como grupos geradores e sistemas de armazenamento baseados em bateria podem substituir a energia a diesel.
Construção centro-americana
A pandemia e economias fortemente dependentes tornam a recuperação desta região mais complexa.
CONECTAR-SE COM A EQUIPE
Cristian Peters
Cristián Peters Editor Tel: +56 977987493 E-mail: cristián.peters@khl.com
Wil Holloway Gerente de vendasr Tel: +1 312 9292563 E-mail: wil.holloway@khl.com
CONECTAR-SE COM A MÍDIA SOCIAL