Assinado contrato para construção da Ponte Bioceânica no Paraguai

By Luciana Guimaraes14 December 2021

Com a presença do Presidente da República, Mario Abdo Benítez, do Ministro das Obras Públicas, Arnoldo Wiens, autoridades nacionais e do Estado de Mato Grosso do Sul, Brasil, foi assinado o contrato para a construção da Ponte Bioceânica que vai unir as cidades de Carmelo Peralta (PY) e Puerto Murthino (BR).

O lançamento da pedra fundamental também foi planejado com a presença do Presidente da República, Jair Bolsonaro, mas o mau tempo o impediu de estar presente e esta atividade será remarcada para outra data.

A Ponte Bioceânica é uma obra estratégica que, além de fortalecer a integração regional, vai dar funcionalidade ao Corredor Rodoviário Bioceânico, em fase de finalização. É resultado de um acordo entre os governos do Paraguai e do Brasil e inclui não só a construção da ponte, mas também a infraestrutura necessária que permitirá a interligação rodoviária e promoverá o desenvolvimento sustentável das duas nações.

Tudo isso, através do Corredor Bioceânico, considerando que o novo portal internacional é um elo fundamental na união entre o Pacífico e o Atlântico, através do Chaco Paraguaio.

Uma vez em operação, tanto a Ponte Bioceânica quanto o novo corredor rodoviário, a Região Oeste do país se tornará um grande Centro Logístico Internacional, gerando infinitas oportunidades para todos os moradores do Chaco.

Empreendimento será financiado pela Itaipu Binacional, que destinará um investimento de G. 616.836.755.744 (cerca de 90 mihões de dólares)

Caberá ao Consórcio PYBRA, formado pelas empresas Tecnoedil-Paulitec-Constructora Cidade, a realização desse sonho.

A ponte terá uma extensão total de 1.300 metros, cruzando o canal do Rio Paraguai e combinando os aterros dos acessos, com píeres a cada 30 metros. Beneficiará diretamente 19.000 compatriotas da Região Oeste e contribuirá para o crescimento socioeconômico de todo o Chaco paraguaio.

De acordo com a legislação que compõe a Comissão Binacional Paraguai - Brasil, para a construção dessa nova união física, as entidades executoras são o MOPC, do Paraguai, e o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), do Brasil.

Algumas das autoridades presentes na assinatura do contrato são o Governador do Estado de Mato Grosso do Sul (Brasil) Reinaldo Azambuja, o presidente do Congresso Nacional Óscar Salomón, o Governador do Alto Paraguai, José Domingo Adorno, entre outros.

REVISTA
BOLETIM
Entregue diretamente na sua caixa de entrada, o Informativo Semanal da Construção traz a seleção das últimas notícias, lançamentos de produtos, reportagens e muito mais informações sobre o setor de infraestrutura na América Latina e no mundo.
Reportagens
Dicas para maior eficiência de equipamentos
Quatro dicas testadas ao longo do tempo para aumentar o tempo de atividade
AMMANN: Soluções competitivas e integradas
Com uma linhagem familiar de sucesso, a Ammann se destaca no cenário internacional desde 1869. Hans-Christian Schneider, atual CEO da Ammann, é a sexta geração a administrar a empresa que mantém sua curva de crescimento e notoriedade.
CONECTAR-SE COM A EQUIPE
Cristian Peters
Cristián Peters Editor Tel: +56 977987493 E-mail: cristián.peters@khl.com
Matt Burk Gerente de vendasr Tel: +1 312 496 3314 E-mail: matt.burk@khl.com
CONECTAR-SE COM A MÍDIA SOCIAL