Argentina e China fazem acordo por usinas nucleares

By Fausto Oliveira18 November 2015

Argentina china nuclear

Argentina china nuclear

Os governos da Argentina e da China assinaram um acordo que finalmente vai levar adiante o financiamento e construção de duas usinas nucleares no país vizinho, com recursos asiáticos.

A assinatura aconteceu na Turquia, onde se realiza a cúpula do G20, em 17 de novembro. Peo acordo, a China vai colocar à disposição da Argentina US$ 14,5 bilhões em empréstimos com condições favoráveis para realizar os projetos.

Assinaram o acordo o presidente da Nucleoeléctrica Argentina SA, Jose Luis Antunez, e o chefe da China National Nuclear Corporation, Quian Zhimin (foto).

O valor total das futuras usinas nucleares na Argentina terá 85% financiados pela China, com um prazo de 18 anos para pagamento por parte do governo do país vizinho.

Rumores de projetos sino-argentinos na área de energia nuclear já são antigos, mas até hoje não havia qualquer acordo firmado entre as partes.

REVISTA
BOLETIM
Entregue diretamente na sua caixa de entrada, o Informativo Semanal da Construção traz a seleção das últimas notícias, lançamentos de produtos, reportagens e muito mais informações sobre o setor de infraestrutura na América Latina e no mundo.
Reportagens
Dicas para maior eficiência de equipamentos
Quatro dicas testadas ao longo do tempo para aumentar o tempo de atividade
AMMANN: Soluções competitivas e integradas
Com uma linhagem familiar de sucesso, a Ammann se destaca no cenário internacional desde 1869. Hans-Christian Schneider, atual CEO da Ammann, é a sexta geração a administrar a empresa que mantém sua curva de crescimento e notoriedade.
CONECTAR-SE COM A EQUIPE
Cristian Peters
Cristián Peters Editor Tel: +56 977987493 E-mail: cristián.peters@khl.com
Matt Burk Gerente de vendasr Tel: +1 312 496 3314 E-mail: matt.burk@khl.com
CONECTAR-SE COM A MÍDIA SOCIAL