ArcelorMittal é a primeira produtora de aço brasileira a testar caminhão 100% elétrico

Iniciativa realizada em parceria com Programa de Logística Verde Brasil (PLVB) envolveu percurso de 488 KM e evitou emissão de 1,5 tonelada de CO2.

A ArcelorMittal foi a primeira produtora de aço brasileira a testar um caminhão 100% elétrico no transporte de bobinas em rotas de curta e média distância.

Imagem: ArcelorMittal

O teste, realizado pela unidade Vega da ArcelorMittal, em São Francisco do Sul (SC), em um percurso de 488 quilômetros e com trechos de serra, foi dividido em três rotas de entrega: duas em Santa Catarina, para Araquari (Sampaio Distribuidora) e São Bento do Sul (Tuper) e uma para o Paraná, em Araucária, na ArcelorMittal Gonvarri. Com a utilização do caminhão elétrico, a empresa evitou a emissão de 1,5 tonelada de CO2.

O teste foi viabilizado com apoio do Programa Logística Verde Brasil (PLVB), do Instituto Brasileiro de Transporte Sustentável (IBTS). Em 2023, a ArcelorMittal foi a primeira produtora de aço a se tornar membro do PLVB, tendo recebido o certificado como empresa que possui a sustentabilidade como valor em suas operações. O programa integra empresas transportadoras, embarcadores e provedores de soluções juntamente com instituições de apoio para tornar a logística brasileira mais sustentável. 

Quer ver mais sobre construção?
Inscrever-se para
Informe Construção

“O teste é um desdobramento da estratégia de descarbonização da empresa, que já conta com práticas sustentáveis de transporte como a otimização dos caminhões nas rotas e o uso de meios de transporte alternativos, como a cabotagem break bulk, container e ferrovia para atendimento a alguns destinos. Esta é mais uma iniciativa que integra as diversas ações mapeadas pela empresa para tornar os processos cada vez mais sustentáveis e promover diferenciais no atendimento aos clientes, alinhados ao nosso propósito de produzir aços inteligentes para as pessoas e o planeta”, comenta Eduardo Raya, Diretor de Planejamento e Logística da ArcelorMittal, no segmento de aços planos. 

“No teste identificamos que o caminhão elétrico apresenta a mesma condição de dirigibilidade, segurança e facilidade de operação. Estamos trabalhando para mudar a matriz energética das nossas operações e tornar o transporte de cargas mais viável, sustentável e limpo com o uso da energia elétrica. O próximo passo para evoluir na descarbonização é avaliar alternativas e rotas, junto com as transportadoras parceiras, para iniciar a substituição dos veículos a diesel por elétricos”, afirma Marcelo Campos, Gerente de Logística da ArcelorMittal em São Francisco do Sul.

O veículo utilizado, com seguro homologado pelo Inmetro e dentro dos padrões de rodagem do DENATRAN, foi um caminhão a diesel convertido para elétrico, com autonomia adaptada para as necessidades da operação. A opção foi escolhida porque o Brasil ainda não conta com o desenvolvimento de veículos pesados movidos a eletricidade para a dimensão de peso de carga operada pela siderurgia (Capacidade Máxima de Tração de 80 toneladas). Diversos procedimentos de segurança foram realizados pelas equipes internas da empresa para garantir a realização do teste dentro dos padrões de segurança.

BOLETIM
Entregue diretamente na sua caixa de entrada, o Informativo Semanal da Construção traz a seleção das últimas notícias, lançamentos de produtos, reportagens e muito mais informações sobre o setor de infraestrutura na América Latina e no mundo.
CONECTAR-SE COM A EQUIPE
Cristian Peters
Cristián Peters Editor Tel: +56 977987493 E-mail: cristiá[email protected]
Simon Kelly Gerente de vendas Tel: 44 (0) 1892 786223 E-mail: [email protected]
CONECTAR-SE COM A MÍDIA SOCIAL