Indústria de materiais acumula 15,2% de crescimento no ano

By Luciana Guimaraes18 October 2021

Pesquisa índice elaborada pela FGV com dados do IBGE sobre o faturamento das indústrias de materiais de construção, divulgada pela ABRAMAT (Associação Brasileira da Indústria de Materiais de Construção) indica que em setembro houve redução no faturamento das indústrias de materiais de construção. O resultado do mês é de queda de 0,7% sobre agosto, o que representa a terceira redução consecutiva.

Salienta-se que na comparação com o mesmo mês de 2020 houve baixa de 3,7%.

Para a instituição, queda é registrada tanto no setor de acabamento, com redução de 1,0%, quanto no de base, com -0,4% sobre agosto. Em comparação com setembro de 2020, a piora apresentada foi de -2,3% (base) e -5,7% (acabamento). Já no acumulado do ano, entre janeiro e setembro, o resultado continua bastante positivo, com 15,2%.

“A queda da atividade quando comparada ao mesmo período do ano passado já era esperada, pois naquele período houve uma retomada brusca da demanda e agora está havendo um reequilíbrio. Por outro lado, essa redução na comparação com meses anteriores pode estar relacionada, além das muitas externalidades envolvidas, também às flexibilizações de atividades que vem ocorrendo com o avanço da vacinação e retração da pandemia, e com isso a atração por consumo de outros bens e serviços por parte do consumidor” informou Rodrigo Navarro, presidente da ABRAMAT

REVISTA
BOLETIM
Entregue diretamente na sua caixa de entrada, o Informativo Semanal da Construção traz a seleção das últimas notícias, lançamentos de produtos, reportagens e muito mais informações sobre o setor de infraestrutura na América Latina e no mundo.
Reportagens
Um ponto fora da curva…
O Brasil, na contramão de muitos países que se viram seriamente afetados pela crise sanitária mundial, se estabelece dia após dia como potência econômica no que tange a indústria e tal propensão se fortalece com o número de obras que se difundem por todo território nacional.
Energia do futuro
Como grupos geradores e sistemas de armazenamento baseados em bateria podem substituir a energia a diesel.
Construção centro-americana
A pandemia e economias fortemente dependentes tornam a recuperação desta região mais complexa.
CONECTAR-SE COM A EQUIPE
Cristian Peters
Cristián Peters Editor Tel: +56 977987493 E-mail: cristián.peters@khl.com
Wil Holloway Gerente de vendasr Tel: +1 312 9292563 E-mail: wil.holloway@khl.com
CONECTAR-SE COM A MÍDIA SOCIAL