Os projetos associados aos investimentos representam um crescimento de 20% em comparação a 2017.

“O governo de Nuevo León, no México, estima que poderia investir cerca de US$400 milhões em obras públicas. O conjunto de projetos significa um incremento de 20% em relação a 2017”, declarou Humberto Torres Padilla, secretário de Infraestrutura estatal.

Monterrey

Nessa linha, o secretário de Estado afirmou que receberão recursos federais para concluir em Monterrey os hospitais gerais de Montemorelos e Sabinas Hidalgo, a Linha 3 do metrô e outras obras de infraestrutura hidráulica como o início da Presa Libertad, que faz parte do Plano Hídrico 2030.

Também, estima-se investir US$30 milhões na manutenção da Rede Estatal de Rodovias; além de cerca de US$45 milhões na ampliação do Centro de Reinserção Social Apodaca; três novas instalações do Ensino Médio Militarizado, a construção do Museu Nuevo León Manana; Agroparques no sul da entidade, e equipamentos para hospitais.

No México, a Lei de Despesas do Estado de Nueva León propõem, através do governo estatal, destinar US$175 milhões ao investimento público, cifra que representa 3,2% do Projeto de Orçamento de Despesas. De fato, como a mesma lei indica, o objetivo principal é o desenvolvimento de projetos de obra pública: “os recursos orçados neste tipo de gasto serão destinados ao fortalecimento e incremento da infraestrutura municipal, incluindo construção, reforma e manutenção de áreas verdes, esportivas, centros comunitários, hospitais, albergues, praças públicas e hospitais, entre outros”, indica a lei.