A W 150 CF se destaca por sua maior produtividade e rendimento quanto à superfície.

Uma fresadora compacta Wirtgen 150 CF equipada com a nova unidade de fresagem de 1.800 mm está trabalhando ao longo do principal corredor urbano de Torreón (Coahuila, México) visando a implementação de um moderno sistema de ônibus rápidos (BRT), projeto que, entre outras coisas, inclui um novo corredor exclusivo de concreto juntamente com a recuperação dos corredores de asfalto adjacentes.

W_photo_W150CF_00055_HI

A W 150 CF/W 150 CFi pode lidar com uma grande variedade de trabalhos diferentes.

Antes de poder iniciar a construção dos novos corredores, a empreiteira de fresagem TATSA (Triturados Asfálticos de Torreón S.A. de C.V.) teve que eliminar totalmente o pavimento a uma profundidade de fresagem de 25 a 30 cm. O equipamento da Wirtgen possibilita a remoção da profundidade total em uma passada, porém dependendo do requisito de cada trecho se realizou a fresagem em duas ou três. “Estas estradas são antigas e foram pavimentadas muitas vezes ao longo dos anos sem nenhum trabalho de fresagem. Em algumas zonas, o pavimento novo foi colocado por cima da pista antiga”, explicou Gisela Gutiérrez, engenheira encarregada de coordenar a produção na TATSA.

Cumprindo requisitos

Em sua totalidade, o projeto cobre um trecho de 24,3 km e inclui a integração de 9,3 km de corredores confinados em posição central em Torreón, e mais de 15 km de autoestrada entre Torreón e Matamoros. Na licitação especificava-se uma fresadora única que pudesse trabalhar em vários locais da cidade em um mesmo dia. Devido a este requisito e a este projeto se desenvolver em espaços confinados, a empreiteira selecionou a 150 CF com uma unidade de fresagem de 1.800 mm.

Também foi relevante para a decisão o peso de transporte otimizado da máquina, fato que permite um deslocamento rápido entres os diferentes locais de obras.

“Antes de participar desta licitação, entramos em contato com os especialistas em aplicações do distribuidor do Wirtgen Group, Construmac. Logo ficou claro que a W 150 CF seria a solução ideal para este trabalho. Desde a sua chegada, a máquina nos convenceu de imediato. Nesse meio tempo, já pedimos uma nova unidade para desenvolver mais projetos no México”, afirma Ruben Tinoco, engenheiro e proprietário da TATSA.

Nivelamento

Uma das principais vantagens da W 150 CF é sua tecnologia de nivelamento LEVEL PRO, que compara continuamente a profundidade de fresagem real com a profundidade de fresagem que se tem como objetivo. “LEVEL PRO é capaz de trabalhar com diferentes sensores (de cabo, de cilindros hidráulicos, ultrassônicos e de inclinação, ou ainda sensores laser e Sonic Ski, além de sistemas Multiplex) e pode-se ampliar dependendo da necessidade. Também é possível um nivelamento 3D graças às interfaces instaladas, que são compatíveis com sistemas 3D dos fabricantes mais comuns”, explicam representantes da Wirtgen.

W_photo_W150CF_00039_HI_Multiplex

Graças ao Flexible Cutter System, os usuários podem alternar de forma rápida e simples entre tambores de fresagem com diferentes larguras de trabalho.

A TATSA utilizou o sistema Multiplex. Nele, três sensores em cada lado da máquina escaneiam a altura. O mesmo sistema de nivelamento automático incorpora a três medições à sua análise para cumprir exatamente o objetivo pré-determinado de profundidade da fresagem, ao mesmo tempo em que garante que nenhuma irregularidade da estrada seja copiada.

“O trabalho com o sistema de nivelamento da Wirtgen Level Pro Plus e o sistema Multiplex é intuitivo e cômodo, e os resultados da fresagem foram uma superfície fresada uniforme, ajustada à linha e nivelada. Este é um fator crucial na hora de pavimentar novas camadas superficiais e evitar custosas medidas corretivas na forma de camadas de nivelamento do asfalto”, explica Liborio Frías Estrada, engenheiro coordenador das obras de fresagem para o projeto de BRT em Torreón.