As obras, que completaram a pavimentação da rodovia CH 21, fazem parte do Plano de Caminhos Básicos 2014-2018.

Ruta 21 ch calama ollague

Diversas autoridades da região chilena de Antofagast, encabeçaram a cerimônia de inauguração do projeto de melhoramento da rodovia internacional 21 CH, que une a região de Calama com Ollague e a fronteira com a Bolívia, na Província Del Loa. O projeto já se está 100% finalizado, totalizando o melhoramento de 193 quilômetros.

A pavimentação foi realizada por etapas e finalizou-se durante o segundo governo da Presidenta do Chile, Michelle Bachelet, a través de nove iniciativas que totalizaram investimentos por US$25 milhões, obtidos com fundos setoriais e provenientes do Governo Regional.

O intendente da região de Antofagasta, Arturo Molina, expressou estar muito contente pelo compromisso cumprido. “Estamos pagando a dívida de um antigo compromisso para melhorar o caminho de terra que significa uma viajem de 6 a 7 horas desde Calama. Naquela ocasião tivemos um grave acidente onde faleceram pessoas da escolta do ex-presidente e, é claro, a Presidente Bachelet assumiu esse compromisso del forma eficiente e o Ministério de Obras Públicas (MOP) cumpriu com um caminho que é uma porta ao crescimento econômico e ao turismo desta região fronteiriça”.

As obras, que completaram a pavimentação da rodovia CH 21, fazem parte do Plano de Caminhos Básicos 2014-2018, que na região de Antofagasta tem como objetivo concretar a pavimentação de mais de 1.400 quilômetros e que é financiando graças ao Convênio de Programação entre o Governo Regional e o MOP, com o apoio do CORE.

As autoridades explicaram que, da mesma maneira que a região de Ollague, a maioria das localidades da província de El Loa já têm seus caminhos pavimentados, uma importante mudança no acesso a todos os povoados com ao menos 50 habitantes nas Áreas de Desenvolvimento Indígena: Atacama La Grande e Alto Loa, destacando: Toconce, Caspana, Ayquina, Lasana, o setor da ponte El Diablo, Peine, Camar, Talabre, e Rio Grande. Atualmente estão sendo executadas as obras que conectam: Turi-Cupo-Taira e a Estação San Pedro, e espera-se que no começo do ano que vem sejam iniciados os trabalhos para melhorar os acessos de Paniri e Conchi Viejo.