A instalação é a primeira central elétrica a base de gás natural liquefeito na América Central.

A CEMEX Latam Holdings está participando na construção da primeira central de geração de energia a base de gás natural liquefeito no Panamá e América Central. Para este projeto, a CEMEX espera subministrar aproximadamente 46.000 metros cúbicos de concretos especializados, incluídos 26.000 metros cúbicos de concreto criogênico e 12.000 metros cúbicos de concreto de baixo calor de hidratação. Até agora, a empresa subministrou 83% do concreto requerido.

Gnl

Com o projeto, liderado pela empresa AES, pretende-se diversificar a oferta energética no Panamá e transformar o país no centro de distribuição de gás natural liquefeito (GNL) na região. A CEMEX participa na construção desta planta em aliança com seu cliente, a empresa panamenha Hormigón Express.

O projeto, executado pela POSCO Engineering & Construction, consta de duas fases que requerem concretos especiais adaptados às necessidades desta construção. A primeira fase contempla a construção da laje de cimentação do tanque que armazenará o GNL e requer 12.000 metros cúbicos de concreto de baixo calor de hidratação.

Para a segunda fase, que implica a construção do recobrimento do tanque e demanda 26.000 metros cúbicos de concreto, a CEMEX subministra concreto criogênico desenhado em laboratórios europeus e adaptado para suportar baixas temperaturas de até -195ºC por lapsos de uma hora, graças a utilização de aditivos de terceira geração da unidade da CEMEX Admixture para cumprir com as demandas técnicas de uma instalação deste tipo.