ABCP assina acordo com Ceará para coprocessamento

By Fausto Oliveira15 January 2019

Intenção é reduzir aterramento de resíduos sólidos, utilizando-os na indústria do cimento.

ABCP coprocesamiento

A assinatura do acordo

Em dezembro, a Associação Brasileira de Cimento Portland (ABCP) assinou acordo de cooperação técnica com o estado do Ceará para estimular a prática de coprocessamento de resíduos sólidos em fornos cimenteiros da região.

Inicialmente, o acordo reunirá esforços de empresas e governo para a conversão de resíduos sólidos em combustível para a indústria cimenteira em duas localidades do estado, a região metropolitana de Sobral e o Vale do Jaguaribe.

Com o acordo, a intenção é que a ABCP forneça ao estado do Ceará sua experiência com o coprocessamento de materiais na produção de cimento, de maneira a reduzir o volume de resíduos sólidos que acabam indo para lixões e aterros sanitários.

Para o presidente da ABCP e do SNIC, Paulo Camillo Penna, este é “mais um passo fundamental para avanço do coprocessamento no manejo e gestão de resíduos com geração de valor compartilhado entre poder público, comunidades e indústria do cimento”.

More Articles from Construção Latino Americana
Tesoura Totalmente Elétrica Davinci™ - A Inspiração
Uma nova era na tecnologia de plataformas tipo tesoura está chegando. Conheça os bastidores de uma nova obra-prima de simplicidade totalmente elétrica
Presentamos Davinci™ - La Inspiración
Se acerca una nueva era en la tecnología de elevadores de tijera. Vaya detrás de escena en una nueva obra maestra de simplicidad totalmente eléctrica.